Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cuca confirma Jô contra o Bahia e evita comentar expulsão de André

Mesmo com vários jogadores no departamento médico, o Atlético-MG conseguiu um bom início de Brasileiro, com duas vitórias em dois jogos, e agora o técnico Cuca terá tempo para recuperar atletas até o compromisso contra o Bahia, marcado para quarta-feira da próxima semana. Mas o treinador já tem pelo menos um desfalque certo, já que avante André foi expulso contra o Corinthians.

Se Guilherme e Neto Berola não forem liberados pelo departamento médico, o treinador terá apenas o recém-contratado Jô para o ataque, o que deve garantir a estreia do jogador contra o Bahia. O técnico Cuca afirmou após o jogo contra o Timão que pretendia utilizar Jô, que ficou na reserva, mas optou por não colocar o atleta em campo já que havia trocado dois jogadores no intervalo.

‘Eu já queria colocar o Jô. Mas como eu tinha tirado dois no primeiro tempo, não poderia perder outra substituição. Tanto que precisei mais tarde com a lesão do Richarlyson. Mas ele vai ser titular na quarta-feira, já avisei. Pedi para ele se cuidar e se preparar para o jogo’, declarou.

Questionado sobre a expulsão de André, que já tinha recebido cartão amarelo e chutou uma bola desnecessariamente após apito do árbitro e acabou deixando o campo mais cedo, Cuca afirmou que não viu o lance. O comandante atleticano, no entanto, pediu mais cuidado ao jogador, que pode passar de herói a vilão em questão de minutos.

‘Eu estava de costas, eu não vi, tem que tomar cuidado porque o futebol te transforma de herói a vilão de uma hora para outra. Se o Corinthians faz o gol e vira o jogo, ele poderia ser transformado no vilão do jogo’, comentou.