Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cruzeiro entra em campo mirando quinta vitória seguida no Mineiro

Depois de estrear com o pé direito na Copa do Brasil, aplicado uma goleada no Rio Branco-AC e vindo de uma sequência de vitórias no Mineiro, o Cruzeiro volta a campo neste domingo pelo Estadual. A Raposa vai encarar o Villa Nova, às 16 horas, na Arena do Jacaré, disposto a somar o quinto triunfo seguido na competição.

Porém, o time que vai entrar em campo deve ser bem diferente de jogos anteriores. Pelo menos três alterações são certas, Marcelo Oliveira, Wellington Paulista e Diego Renan foram advertidos com o terceiro cartão amarelo na vitória sobre o América-TO e terão de cumprir suspensão automática diante do Leão do Bonfim.

‘Para o lugar do Marcelo, temos algumas opções, o Everton, o Amaral, o Rudnei, o Roger. Para substituir o Wellington, vimos contra o Rio Branco-AC que Walter e Wallyson estão no mesmo nível dos titulares, então será difícil escolher. Talvez a gente inicie já com o Gilson, até para dar a chance para que esse atleta busque o seu espaço, até porque a gente sabe que ele pode.’, disse Mancini.

Além dos atletas suspensos, Vágner Mancini deverá poupar alguns jogadores, o armador argentino Montillo ainda é dúvida para enfrentar o Villa Nova. Com dores no púbis, ele se recupera do desconforto e ainda não tem presença confirmada. Por não ser um jogo decisivo, a tendência é que ele não atue neste domingo.

No Villa Nova, a diretoria não ficou satisfeita com a derrota do time para o América-MG e resolveu trocar o treinador. Wellington Fajardo foi demitido e para ocupar o cargo de treinador, a cúpula do Leão do Bonfim contratou Mauro Fernandes, que já teve passagem pelo futebol mineiro comandando o Coelho recentemente.

‘É uma grande honra ter a oportunidade de trabalhar no Villa Nova. Chego com o propósito de ajudar o time a chegar às Semifinais e depois lutar pelo título. Sou um técnico vitorioso e espero, com muito trabalho, manter essa trajetória em Nova Lima’, disse Mauro Fernandes, que afirma que estrear no clássico contra o Cruzeiro é um fato positivo.

‘Esse tipo de jogo, apesar de ser muito difícil, motiva ainda mais o elenco, pois todo jogador gosta de participar de um clássico, que concentra a atenção da imprensa e dos torcedores. Nossa campanha não é ruim e uma vitória em cima do Cruzeiro dá ainda mais motivação para fazermos um bom trabalho aqui’, declarou.

Mauro Fernandes terá alguns problemas de ordem médica para definir o Villa Nova. Com dores no joelho direito, o volante Everton está vetado, o atacante Caio Tavera também ficará de fora por causa de um desconforto muscular. Já Thiaguinho se recuperou de uma tendinite no joelho e já apura a forma física, porém, o atleta também é desfalque.

FICHA TÉCNICA

CRUZEIRO X VILLA NOVA

Local: Estádio Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG)

Data: 11 de março de 2012 (domingo)

Horário: 16 horas (horário de Brasília)

Árbitro: Renato Cardoso Conceição (CBF/FMF)

Assistentes: Celso Luiz da Silva (CBF/FMF) e Ricardo Vieira Rodrigues (CBF/FMF)

CRUZEIRO: Fábio, Marcos, Léo, Victorino e Gilson, Everton, Leandro Guerreiro, Roger e Montillo (Walter) Wallyson e Anselmo Ramon

Técnico: Vágner Mancini

VILLA NOVA: Elisson; Alex, Álvaro, Carciano e Zé Rodolfo; Pinguim, Higo, Uchoa e Francismar; Vinícius e Eliandro

Técnico: Mauro Fernandes