Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cristina Kirchner anuncia volta da Fórmula 1 à Argentina

A presidente Cristina Kirchner anunciou que a Fórmula 1 está prestes a voltar à Argentina. O anúncio na noite da quarta-feira pegou de surpresa grande parte do governo, que não sabia da manobra da chefe de Estado em trazer de volta a categoria ao país – o último GP de Fómrula 1 no país foi em 1998, com vitória de Michael Schumacher.

“Gostaria que fosse por três anos, entre 2013 e 2015”, disse Cristina Kirchner. Segundo ela, a prova será pelas ruas do balneário de Mar del Plata, a 400 quilômetros de Buenos Aires, “como em Mônaco”: “O automobilismo é o segundo esporte preferido dos argentinos”, disse Cristina

A presidente disse ainda que tudo já foi acertado verbalmente com Bernie Ecclestone, chefe da Fórmula 1, e com a empresa brasileira Time For Fun. Mas falta assinar o contrato.

O custo desta empreitada giraria em torno dos 50 milhões de dólares, parte desembolsados pelo estado argentino. Segundo o ministro do Turismo, Enrique Mayer, o governo pagaria 22 milhões de dólares por GP e pretende ter o controle das transmissões das corridas. Há duas semanas, a presidente estatizou as transmissões do Turismo Carretera (TC), a principal categoria do automobilismo argentino.

(Com Agência Estado)