Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Cristiano Ronaldo: “Preciso de ‘haters’ para me motivar”

Português diz que ele próprio foi sua maior inspiração e nega rivalidade com Messi

Por da redação 27 out 2016, 09h20

Falem bem ou falem mal, falem de mim. Cristiano Ronaldo admitiu que não se incomoda com seus detratores ou “haters”, como são chamados os críticos da internet. Na verdade, o craque português até gosta. “Uso as pessoas e experiências negativas para me motivar. Na verdade, eu preciso dos meus ‘haters’, eles me ajudaram a alcançar tudo que alcancei”, disse Cristiano, em entrevista à revista britânica Coach Magazine.

  • Perguntado sobre quem é o jogador adversário que mais admira, citou o eterno antagonista Lionel Messi – mas o elogiou com parcimônia. “Existe muito respeito mútuo entre Messi e eu. A mídia gosta de criar uma rivalidade entre nós, mas isso não existe. Não somos bons amigos, mas existe grande respeito de ambas as partes.”

    Com sua característica “modéstia”, respondeu quem foi a maior influência em sua carreira. “Fui eu mesmo”. Em seguida, citou dois compatriotas como ídolos de infância. “Admirava Luis Figo e Rui Costa, mas nunca quis copiar ninguém, sempre foquei em ser o melhor que eu podia ser. ”

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade