Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Crise no Barcelona? Messi não treina e diretor é demitido

Craque argentino faltou a treino e alegou gastroenterite, mas jornais espanhóis noticiam problemas de relacionamento com o treinador Luis Enrique

Mal o ano começou e Lionel Messi já está no meio de uma confusão no Barcelona. Um dia depois de começar no banco na derrota por 1 a 0 para a Real Sociedad, o argentino não participou do treinamento aberto da equipe, que teve Neymar como destaque, nesta segunda-feira. O Barcelona alegou que uma gastroenterite teria motivado a ausência de Messi, mas jornais da Espanha levantaram suspeitas do caso. O diário esportivo As, de Madri, assegura que Messi tem problemas de relacionamento com o técnico Luis Enrique. Para Messi, o treinador abusa de sua autoridade e age como “amo e senhor do vestiário”, de acordo com a publicação. Durante a tarde, o clube anunciou a demissão do diretor de futebol e ex-goleiro do clube, Andoni Zubizarreta. O clube afirmou que o presidente Josep Maria Bartomeu concederá entrevista na quarta-feira para explicar a dispensa, que seria o primeiro sinal de uma crise interna. O ex-zagueiro Carles Puyol, que também trabalhava na diretoria de futebol, pediu demissão em solidariedade a Zubizarreta.

Leia também:

Com Neymar assediado e Messi ausente, Barça abre treino

Neymar e Messi começam no banco. E o Barça perde

Advogada espanhola seria a nova namorada de Neymar

O técnico Luis Enrique do Barcelona - 17/09/2014 O técnico Luis Enrique do Barcelona – 17/09/2014

O técnico Luis Enrique do Barcelona – 17/09/2014 (/)

De acordo com o diário Mundo Deportivo, os desentendimentos entre Messi e Luis Enrique tiveram início no dia 2, quando Messi teria se irritado com o treinador, que fazia as vezes de árbitro em um coletivo e não marcou uma falta no atacante. Dois dias depois, Messi, Neymar e Daniel Alves iniciaram a partida contra a Real Sociedad no banco de reservas. Luis Enrique explicou que decidiu poupá-los, pois ganharam dias extras de folga e fizeram longas viagens – segundo os jornais espanhóis, Luis Enrique autorizou a folga maior aos três.

Messi entrou no intervalo do jogo com a Real Sociedad e a imprensa deu destaque à pouca movimentação e até desinteresse de Messi pelo jogo. Chamou ainda mais a atenção a ausência de Messi no treino desta segunda-feira, pois era um evento festivo e tradicional do clube, repleto de crianças que esperavam um contato com o ídolo. De acordo com o diário Sport, Luis Enrique demonstrou aos seus assistentes insatisfação pela ausência de Messi.

Durante seus dez anos como profissional no Barcelona, Messi se envolveu em diversos desentendimentos com treinadores, incluindo Frank Rijkaard e Pep Guardiola. Os jornais ressaltam que Messi tem proposta do Chelsea, equipe em que atua um de seus melhores amigos no futebol, o meia Cesc Fábregas.