Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Coxa tropeça em casa, é vaiado e deixa liderança para Atlético-PR

O Coritiba decepcionou a torcida na rodada deste domingo do Campeonato Paranaense e saiu de campo vaiado. Apesar da vantagem de atuar no estádio Couto Pereira, a equipe do Alto da Glória encontrou grandes dificuldades contra o Rio Branco e amargou o empate por 1 a 1.

O placar leva o Coritiba a 17 pontos no Estadual, em terceiro lugar. Além de perder a liderança para o Atlético-PR, também acabou ultrapassado pelo surpreendente Cianorte na classificação. O Rio Branco soma sete pontos e está na oitava colocação.

Na próxima rodada do Campeonato Paranaense, o Coritiba enfrenta justamente a sensação da edição 2012, o Cianorte, fora de casa, na quarta-feira à noite. O Rio Branco entra em campo apenas no domingo de Carnaval, contra o Iraty.

O Jogo – Desde os instantes iniciais, o Rio Branco mostrou que ia dar trabalho. Aos dez minutos, os visitantes só não abriram o placar porque Maceió chegou atrasado para concluir.

Quatro minutos depois, o Coritiba não escapou do gol do adversário. Na jogada feita por Denis, Hevandro mostrou qualidade para cabecear e vencer o goleiro Vanderlei. A torcida mostrava-se preocupada no Couto Pereira.

O susto obrigou o Coritiba a aumentar o ritmo. Os homens de criação aumentaram a movimentação e melhoraram o futebol dos donos da casa. O empate veio aos 28 minutos, quando Lincoln cruzou para a definição certeira de Davi.

Para o segundo tempo, o Coritiba apostou em duas alterações em busca da vitória. Gil e Jacson saíram para as entradas de Geraldo e Gil. O técnico Marcelo Oliveira queria mais movimentação ofensiva e cuidados com o contra-ataque adversário.

Mas o Coritiba tinha dificuldades de criação. E quando conseguia a infiltração na defesa do Rio Branco, a pontaria mostrava-se desafinada. Aos 24 minutos, Lincoln perdeu uma oportunidade incrível de cabeça no cruzamento de Gil.

No fim da partida, o Coritiba partiu para o abafa. Aos 45 minutos, Marcel teve a última chance de dar a vitória aos donos da casa, porém exagerou na força e errou o alvo. O placar de 1 a 1 trouxe vaias da torcida no momento do apito derradeiro da arbitragem.