Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Coronavírus: NFL mantém Draft, mas equipes terão de negociar virtualmente

Respeitando as recomendações de saúde, a liga e os times chegaram a um consenso para selecionar os jogadores universitários de forma remota

Por Danilo Monteiro Atualizado em 7 abr 2020, 13h59 - Publicado em 7 abr 2020, 13h25

A NFL manterá o Draft de 2020, o processo seletivo dos melhores jogadores oriundos do futebol americano universitário, para os dias 23, 24 e 25 deste mês, mas fará um esquema remoto de escolha em razão da pandemia de coronavírus. Roger Goodell, comissário da liga, revelou em nota que a decisão foi tomada com unanimidade por todas as equipes, que respeitarão as recomendações de saúde dos Estados Unidos e não farão um evento público.

“Todos reconhecem que as condições de saúde pública são altamente incertas e não há garantias de que possamos escolher outra data. Acredito que o Draft pode servir a um propósito muito positivo para nossos times, fãs e o país, em geral. Já cancelamos todos os eventos públicos, não levaremos os atletas e suas famílias para o Draft, que será conduzido e televisionado de uma maneira que reflita as condições atuais”, explicou o comissário.

  • A NFL é um dos poucos esportes que ainda não havia sido tão afetado pela pandemia de coronavírus. Afinal, a última temporada foi concluída em fevereiro e, desde então, as equipes estão em recesso. O campeonato de 2020/21 está marcado apenas para setembro, mas a temporada ainda corre riscos de ser adiada, apesar da margem de segurança, pois ainda não se sabe quais serão os impactos da quarentena na pré-temporada. A liga, porém, ainda não conversa sobre a possibilidade do adiamento e foca totalmente na realização incomum do Draft.

    ASSINE VEJA

    Até quando? As previsões dos cientistas para o fim do isolamento A imensa ansiedade para a volta à normalidade possível, os dramas das vítimas brasileiras e a postura equivocada de Bolsonaro diante da crise do coronavírus
    Clique e Assine

    “Nossa equipe está atenta às questões operacionais. Nossa prioridade é a implementação de procedimentos que permitam a todos os times operar em igualdade de condições. Todas as equipes devem fazer o planejamento necessário para conduzir as operações do Draft em um local fora de suas instalações, com um número limitado de pessoas diferentes e com recursos tecnológicos suficientes para permitir a comunicação interna”, finalizou Goodell.

    Continua após a publicidade
    Publicidade