Clique e assine com 88% de desconto

Corinthians pode enfrentar Tolima e Guaraní-PAR na Pré-Libertadores

Rivais que eliminaram o Timão em edições recentes da competição também se classificaram para a fase preliminar; River Plate é um dos possíveis adversários

Por Da Redação - Atualizado em 5 dez 2019, 16h01 - Publicado em 5 dez 2019, 15h44

Ao vencer o Ceará por 1 a 0, na Arena Castelão, em Fortaleza, na penúltima rodada do Campeonato Brasileiro, Corinthians garantiu sua vaga na Copa Libertadores da América do ano que vem. Atualmente na sétima posição, o time paulista não tem mais chances de se classificar automaticamente para a fase de grupos da competição sul-americana. Para chegar neste estágio, o alvinegro terá terá que superar dois adversários na pré-Libertadores.

O sorteio do chaveamento da Libertadores acontece no dia 17 de dezembro, na sede da Conmebol em Luque, no Paraguai. Mas o que já se sabe é que o os jogos do Corinthians acontecerão nas duas primeiras semanas do mês de fevereiro. Entre os possíveis adversários do clube brasileiro: o Deportes Tolima, da Colômbia, e o Guaraní, do Paraguai.

Um dos momentos mais vergonhosos para o torcedor corintiano na competição sul-americana aconteceu em 2011. Com Tite no banco de reservas e Roberto Carlos e Ronaldo dentro de campo, o Corinthians foi eliminado pelo Tolima ainda na Pré-Libertadores e deu adeus ao sonho inédito de conquistar a América – o primeiro título do clube só viria no ano seguinte. O time colombiano ficou em terceiro na pontuação geral do campeonato do país e entra na segunda fase preliminar na competição, a mesma em que os brasileiros estreiam.

O Guaraní do Paraguai foi outro time que eliminou o Corinthians de forma surpreendente em 2015. O Timão também havia disputado a fase Pré-Libertadores, mas superou o Once Caldas e foi para a fase de grupos. Com Elias, Renato Augusto e Guerrero em boa fase, foi o primeiro do grupo que tinha São Paulo e San Lorenzo, da Argentina, e pegou um adversário “fácil” nas oitavas de final – o diretor de futebol da época, Sérgio Janikian, que disse que enfrentar os paraguaios era um “presente de Deus” antes do primeiro jogo. Resultado: derrota por 2 a 0 fora de casa. Na Arena Corinthians, voltou a perder, desta vez por 1 a 0. O Guaraní entra na primeira fase preliminar e precisa superar um adversário para ter chances de enfrentar o Corinthians.

Publicidade

O vice-campeão da Libertadores de 2019 também pode entrar nesta fase. O River Plate ficou na quarta colocação da Superliga Argentina 2018-2019 – que distribuiu as vagas para as competições sul-americanas do ano que vem – e se garantiu apenas na Pré-Libertadores. Mas o time de Marcelo Gallardo ainda tem a chance de entrar diretamente na fase de grupos. Está na final da Copa da Argentina e consegue a classificação se vencer o Central Córdoba. O jogo acontece no dia 13 de dezembro.

Publicidade