Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Corinthians encara Once Caldas para espantar fantasma

Equipe paulista pretende não repetir os erros do vexame contra o também colombiano Tolima, em 2011, para avançar à fase de grupos da Libertadores

Por Da Redação 4 fev 2015, 08h19

O Corinthians conseguiu se livrar da sina de fracassos na Copa Libertadores com a conquista do título inédito em 2012, mas nesta quarta-feira terá que superar outra mancha do passado. Única equipe brasileira a ser eliminada na fase preliminar da competição continental, o Corinthians enfrenta o Once Caldas, da Colômbia, no Itaquerão, às 22h, tentando esquecer o vexame de quatro anos atrás, diante do também colombiano Tolima.

Leia também:

Quatro anos após vexame contra Tolima, Ronaldo aposta no Corinthians

Corinthians estreia com vitória no Paulistão

Cristian diz que repetiria gesto obsceno contra o São Paulo

“O fantasma da Libertadores acabou, mas o da pré-Libertadores existe ainda. Eu, particularmente, quero afastar de vez isso, esquecer o Tolima e entrar na fase de grupos”, confessou o lateral Fábio Santos, um dos remanescentes do grupo de 2011. Ele, assim como o meia Danilo, também tem más recordações do Once Caldas: ainda jovens, jogando pelo São Paulo, ambos foram eliminados pelos colombianos na semifinal da Libertadores de 2004.

Continua após a publicidade
O último jogo de Ronaldo com a camisa do Corinthians foi na derrota por 2 a 0 para o Tolima que eliminou o Corinthians da Libertadores da América, em fevereiro
O último jogo de Ronaldo com a camisa do Corinthians foi na derrota por 2 a 0 para o Tolima que eliminou o Corinthians da Libertadores da América, em fevereiro VEJA

O técnico Tite, outro que esteve na derrota para o Tolima, sofreu uma baixa inesperada nos últimos dias. O meia uruguaio Nicolás Lodeiro, que foi titular durante toda a pré-temporada, negocia com o Boca Juniors e não foi inscrito para esta fase. Melhor para Jadson, que se destacou na última partida pelo Campeonato Paulista e começará jogando nesta quarta. O ataque será formado por Paolo Guerrero e Emerson Sheik.

No primeiro jogo de Libertadores em Itaquera, o Corinthians espera conquistar uma boa vantagem antes de viajar à Manizales, onde fará o jogo de volta no dia 11. Há quatro anos, o time empatou em 0 a 0 no Pacaembu, e foi derrotado pelo Tolima por 2 a 0 em Ibagué, no último jogo da carreira de Ronaldo.

O Once Caldas é uma equipe mais expressiva do que o Tolima: conquistou a Libertadores de 2004 e tem um bom histórico contra brasileiros. A equipe de Manizales, no entanto, não teve bons resultados nos últimos meses e assume a condição de zebra.

“O Corinthians é um time muito completo, que trabalha muito bem em conjunto”, afirmou o técnico Flabio Torres, citando Guerrero, Renato Augusto e o apoio dos laterais como pontos fortes do adversário. “Sabemos que eles são favoritos, mas vamos tentar conseguir um bom resultado e tentar resolver no jogo de volta”, disse o técnico, que treinou sua equipe no CT do Palmeiras, na Barra Funda.

Quem avançar no duelo entre Corinthians e Once Caldas cairá no Grupo 2 da Libertadores, ao lado de São Paulo, do atual campeão San Lorenzo e do uruguai Danubio.

(com Gazeta Press)

Continua após a publicidade
Publicidade