Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Corinthians e Santos empatam no Itaquerão

Clássico da rodada do Campeonato Paulista terminou em 1 a 1

Por Da Redação 5 abr 2015, 18h27

Corinthians e Santos empataram em 1 a 1 neste domingo, no Itaquerão, em partida válida pelo Campeonato Paulista, com gols de Felipe (Corinthians) e Ricardo Oliveira. O Corinthians dominou o primeiro tempo, mas caiu de ritmo após o intervalo, enquanto o Santos melhorou na etapa final. O time treinado por Tite teve interrompida uma sequência de seis vitórias, mas tem a melhor campanha da fase de classificação do torneio, seguido justamente pelo Santos.

O jogo – Alguns minutos depois do início, o Corinthians ganhou terreno e passou a pressionar o Santos com rápidas jogadas. Um dos lances mais emocionantes da partida foi uma sequência de chutes e defesas contra o Santos: Renato Augusto chutou de fora da área e a bola atingiu a trave e bateu nas costas do goleiro Vladimir, que fez duas novas defesas em seguida, de bolas rebatidas. Aos 41 minutos, Jadson bateu escanteio da direita, David Braz falhou, e Felipe subiu livre, botando a bola, de cabeça, no canto direito.

Mas a intensidade do corintiana caiu após o intervalo. Aos 12 minutos, na primeira jogada de Geuvânio, que entrou no lugar de Elano, a bola foi da direita para a esquerda, passou por Robinho e foi cruzada por Chiquinho para Ricardo Oliveira marcar de cabeça.

O lance deixou o jogo aberto. Houve chance dos dois lados, com Guerrero e David Braz errando por pouco. O Corinthians tentou imprimir um ritmo mais forte nos minutos finais, com as entradas de Vagner Love e Petros, mas nada resolveu.

CORINTHIANS 1 x 1 SANTOS

Árbitro: Vinícius Gonçalves Dias Araújo

Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse e Anderson José de Moraes Coelho

Continua após a publicidade

Público: 32.566 espectadores (32.199 pagantes)

Renda: R$ 1.833.746,95

Cartões amarelos: Fagner e Emerson (Corinthians); Valencia, Lucas Lima, Victor Ferraz, Geuvânio e Cicinho (Santos)

Gols: Felipe (Corinthians), aos 41 minutos do primeiro tempo; Ricardo Oliveira, aos 12 do segundo tempo

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Gil, Felipe e Uendel; Ralf; Jadson, Elias, Renato Augusto (Petros) e Emerson; Guerrero (Vagner Love). Técnico: Tite

SANTOS: Vladimir; Victor Ferraz, David Braz, Werley e Chiquinho (Cicinho); Valencia, Renato, Elano (Geuvânio) e Lucas Lima; Robinho (Gabriel) e Ricardo Oliveira. Técnico: Marcelo Fernandes

(Da redação)

Continua após a publicidade
Publicidade