Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Corinthians chega a acordo salarial e mantém Tite em 2012

Acabou o imbróglio entre a diretoria do Corinthians e o técnico Tite. Em seu último dia de mandato (de licença, será substituído pelo vice Roberto de Andrade), nesta quinta-feira, o presidente Andrés Sanchez anunciou a renovação do contrato do treinador por mais uma temporada.

‘O Tite renovou. Está tudo certo. Ele continua como treinador do Corinthians’, disse Sanchez, antes que alguém lhe perguntasse. O acordo com o técnico foi sacramentado na noite de quarta-feira.

O impasse com Tite começou no início desta semana, quando Sanchez acusou o empresário Gilmar Veloz de ‘pensar que está no Catar’ e pedir salários de R$ 800 mil para prorrogar o contrato do seu cliente.

Segundo o presidente, Tite aceitou o teto salarial imposto pelo Corinthians para chegar a um acerto. ‘Perfeitamente’, resumiu Sanchez, com um aceno de cabeça.

Em sua segunda passagem pelo Parque São Jorge, Tite retornou na reta final do Campeonato Brasileiro de 2010, para substituir o demitido Adilson Batista. Em 2011, ele continuou empregado mesmo após a vexatória eliminação na pré-Libertaodres, diante do colombiano Tolima, e adquiriu uma dívida de gratidão com a diretoria. A consagração do técnico veio recentemente, com o título do Campeonato Brasileiro.