Clique e assine a partir de 9,90/mês

Corinthians busca opções para volantes Paulinho e Ralf

Por Da Redação - 2 jun 2012, 12h27

Por Fábio Hecico

São Paulo – O Corinthians ainda busca a contratação de um reserva para Ralf e já estuda alguns nomes para substituir Paulinho caso ele seja mesmo negociado com o futebol italiano (está na mira de Internazionale e Roma) na abertura da janela de transferências internacionais. Depois da desistência da negociação com Guilherme e a renovação de Boquita, ambas com a Portuguesa, o clube faz testes no seu próprio elenco para não ficar “desprotegido” no setor.

Como Edenílson, nome mais cotado para se firmar na vaga de Paulinho num futuro próximo, se recupera de cirurgia no dedinho do pé, o técnico Tite já improvisa alguns jogadores de outras posições como volante. O zagueiro Marquinhos, apontado no clube como uma de suas maiores descobertas nos últimos tempos, e o lateral-direito Alessandro já fazem processo de adaptação na frente da zaga. Outro que logo deve ser testado como primeiro volante é o zagueiro Wallace, que agora já retoma os treinos mais fortes com bola após cirurgia no tornozelo.

Tite não terá volantes no banco para os jogos com o Santos pelas semifinais da Libertadores e não quer ser pego de surpresa caso um de seus titulares se machuque ou seja expulso.

Marquinhos, considerado um pouco baixo para defensor, é quem mais mostra potencial para virar volante. O garoto de 18 anos tem boa antecipação, velocidade e sabe passar bem, o que o credencia para ser o novo Ralf do Parque São Jorge.

Alessandro, já veterano e sem tanto fôlego para desempenhar a função de lateral, de sempre estar apoiando o ataque a também ajudando na marcação, poderia fazer caminho parecido com o de Rincón, que depois de muitos anos na armação, se tornou um grande volante por sua experiência e visão de jogo.

Wallace jogaria no setor mais em caso de emergência. Em Salvador, no Vitória, sua ex-equipe, ele jogou na posição algumas vezes e já se colocou à disposição do técnico Tite.

O time ainda conta com garotos especialistas para a posição, casos de Willian Arão e Gomes, mas eles não estão inscritos na Libertadores, e procura se reforçar com o que tem em casa já que os cofres estão um pouco vazios.

Continua após a publicidade
Publicidade