Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Copa do Brasil define três dos semifinalistas nesta quarta

Corinthians, Flamengo e Cruzeiro entram com vantagem nos duelos decisivos

Com indefinição sobre a participação de atletas que defenderam a seleção brasileira em seu giro pela Ásia, a rodada desta quarta-feira da Copa do Brasil apontará os primeiros semifinalistas da competição. O Corinthians, que visita o Atlético-MG, o Flamengo, que recebe o América-RN, e o Cruzeiro, que visita o ABC, saíram na frente nos jogos de ida e têm a vantagem nos duelos de volta. O último semifinalista será conhecido na noite de quinta, quando o Santos, também em vantagem, recebe o Botafogo no Pacaembu. Quem avançar terá mais uma preocupação para os jogos que apontarão os finalistas da Copa do Brasil – afinal, o técnico Dunga deu pistas de que não hesitará em convocar atletas desses times para os amistosos da seleção brasileira em novembro, contra Turquia e Áustria.

Leia também:

Em dia de Brasileirão esvaziado, confira bizarrices da CBF

Copa do Brasil: Santos e Corinthians abrem boa vantagem

O grande clássico da rodada desta quarta é entre Corinthians e Atlético, às 22 horas (de Brasília), no Mineirão, em Belo Horizonte. No primeiro jogo, os paulistas ganharam por 2 a 0 no Itaquerão, em São Paulo, e podem até perder por um gol de diferença no Mineirão. A equipe de Mano Menezes com outras condições favoráveis para voltar de Minas com a vaga. A equipe contará com o retorno do seu principal atacante. Guerrero pediu dispensa para a seleção do Peru e está confirmado. Já o adversário, que precisa de gols, não deve ter o seu grande destaque. O goleador Diego Tardelli é um possível desfalque por ter jogado na terça em Cingapura pela seleção. O mesmo problema também aflige o Corinthians, que não sabe se poderá contar com o zagueiro Gil e o volante Elias, também titulares no jogo na Ásia.

O local do jogo desta quarta também traz mais confiança ao Corinthians. Em vez do Estádio Independência, onde o adversário tem retrospecto incrível, o confronto será no Mineirão. “No Independência é complicado jogar. O campo é pequeno e a torcida fica próxima. Agora vamos jogar em um estádio grande e onde o público fica mais afastado do gramado”, comparou o goleiro Cássio. O técnico Mano Menezes não revelou o time titular e garantiu que a equipe vai jogar com o intuito de marcar um gol como visitante e, com isso, obrigar o adversário a marcar no mínimo quatro vezes. Mano quer que o time tenha a mesma postura do jogo de quarta passada, diante do Cruzeiro. No Atlético, o técnico Levir Culpi aposta no garoto Carlos, de 19 anos, que tirou a vaga no ataque de André.

Rio de Janeiro – A vitória por 1 a 0 no jogo de ida deixa o Flamengo tranquilo para o duelo desta quarta, às 22 horas, no Maracanã. Apesar de jogar em casa e precisando apenas de um empate, o técnico Vanderlei Luxemburgo prega cautela contra o América-RN. A preocupação do treinador é que a euforia da torcida depois da goleada sobre o Cruzeiro, no último domingo, atrapalhe. O Maracanã mais uma vez receberá grande público – mais de 27.000 ingressos haviam sido vendidos até a tarde de terça. “O torcedor precisa saber que o jogo é decisivo. Existe a mania de deixar as coisas leves no Flamengo. Mas o foco deve continuar o mesmo. Quem vai ao jogo, não vai ver uma festa, mas sim ajudar o time a passar de fase”, insistiu Luxemburgo.

Natal – O Cruzeiro pode ter um time misto para enfrentar o ABC, também às 22 horas, na Arena das Dunas. Na terça, no único treino da equipe na capital potiguar antes da partida, o técnico Marcelo Oliveira esboçou uma escalação sem três titulares. Depois de derrotas para Corinthians e Flamengo pelo Brasileirão, o treinador pretende dar um descanso ao lateral-direito Mayke, ao volante Lucas Silva e ao atacante Marcelo Moreno. Ceará, Willian Farias e Borges treinaram nesta terça-feira entre os titulares e deverão jogar. Marcelo já não conta com o lateral Samudio e os atacantes Ricardo Goulart, Dagoberto e Julio Baptista, todos machucados. Como venceu por 1 a 0 em Belo Horizonte, o Cruzeiro joga por um empate em Natal. O time mineiro avança também se perder por um gol de diferença – exceto o 1 a 0, resultado que levaria a decisão para os pênaltis.

(Com Estadão Conteúdo)