Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Copa do Brasil: Corinthians, Palmeiras e Vasco vencem

Os corintianos derrotaram o Bahia por 3 a 0 em casa, enquanto os palmeirenses venceram o Avaí por 2 a 0. O Vasco repetiu o placar diante da Ponte Preta

A abertura da terceira fase da Copa do Brasil para Corinthians, Palmeiras e Vasco na noite desta quarta-feria foi tudo o que os torcedores dos três times desejavam. Com vitórias convincentes sobre Bahia, Avaí e Ponte Preta, respectivamente, as equives abriram boa vantagem para o prosseguimento da competição.

Os palmeirenses e vascaínos cumpriram roteiro parecido: jogaram fora de casa e derrotaram seus rivais por 2 a 0, obrigando-os a conseguir vitórias por três ou mais gols de diferença fora de seus domínios nos jogos de volta – se vencerem pelo mesmo placar, a vaga será disputada nos pênaltis.

Leia também:

Palmeiras lança mais uma camisa pelo centenário: azul

São Paulo confirma estreia de Kaká neste domingo

No caso da equipe paulista, o resultado positivo ainda teve como bônus representar o primeiro triunfo sob o comando do técnico argentino Ricardo Gareca, que contou com a pontaria de Felipe Menezes, autor dos dois gols palmeirenses sobre o Avaí em Florianópolis.

Em Campinas, o Vasco conseguiu envolver a Ponte Preta na base do troca de passes. O placar foi construído no segundo tempo, começando com um golaço de Diego Renan. O volante Thalles, aproveitando rebote, marcou o segundo.

Enquanto isso, no Itaquerão, o Corinthians também não encontrou resistência diante do Bahia. No primeiro tempo, marcaram Elias e Romero, que fez seu primeiro gol pelo time alvinegro. No fim do jogo, quando o placar já parecia definido, Rafinha desviou a bola com a mão dentro da área do Bahia. Pênalti, que Renato Augusto não desperdiçou. Na partida de volta, em Salvador, o Bahia precisa derrotar o Corinthians por quatro gols de diferença ou também fazer 3 a 0 para levar a decisão para os pênaltis.

Confira os outros confrontos da noite pela Copa do Brasil: Ceará 1 x 1 Chapecoense, ABC 1 x 0 Novo Hamburgo, Santa Cruz 2 x 1 Botafogo-PB.