Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Contra o Fluminense, Corinthians tenta se manter na cola dos líderes

Equipe do técnico Tite enfrenta o Fluminense no Maracanã, nesta quarta-feira

Os dois últimos campeões nacionais se enfrentam nesta quarta-feira, às 21h50, no Maracanã, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro, e vivem situações opostas. Em ascensão, o Corinthians, em 4ª lugar, sonha com o título e quer se manter na perseguição ao líder Cruzeiro. Já o Fluminense está imerso em uma crise mesmo após a troca de Abel Braga por Vanderlei Luxemburgo – o time tem uma vitória nos últimos nove jogos, o que explica o 14º lugar na tabela.

Leia também:

Pato quer garantir sua vaga de titular no Corinthians

A um ano da Copa, Itaquerão conclui 79% de suas obras

O treinador do Corinthians, Tite, está em vantagem em relação a Luxemburgo. Apesar de não contar com o peruano Guerrero, o técnico consegue poupar Danilo, no banco de reservas, e dar nova chance e ritmo de jogo a Renato Augusto. O trio de atacantes que derrotou o Vitória está mantido: Romarinho, Alexandre Pato e Emerson. O Corinthians tende a se tornar um time que cadencia menos o jogo para usar a velocidade. Renato Augusto é mais rápido e chega mais ao ataque que Danilo. E Alexandre Pato é melhor que Guerrero, que está com a seleção peruana, para puxar contra-ataque.

Acompanhe VEJA Esporte no Facebook

Siga VEJA Esporte no Twitter

Pelo lado do Fluminense, um time desconfigurado deve entrar em campo. Os laterais não são os titulares, já que Bruno está contundido e Carlinhos cumpre suspensão. No meio, além da ausência de Jean, o luso-brasileiro Deco, sob cuidados médicos, continua fazendo falta. E na frente, Fred ficará fora. Ele e Jean estão a serviço da seleção brasileira que joga nesta quarta contra a Suíça. O técnico Vanderlei Luxemburgo poderia optar por Rhayner para a vaga de Fred. Mas o atacante também está machucado. Por isso, a escolha de Samuel, que vai compor a dupla de frente com Rafael Sóbis.

(Com Estadão Conteúdo)