Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Compatriota sente desgaste e facilita vida de Djokovic em Nova York

Por Da Redação 8 set 2011, 20h12

Pareceu, no começo do confronto, que o sérvio Novak Djokovic tinha encontrado um adversário à altura em Nova York. Mas o seu compatriota Janko Tipsarevic sentiu o desgaste físico e abandonou o duelo no quarto set. O placar final apontou 7/6 (7-2), 6/7 (3-7), 6/0 e 3/0 para Djoko.

Com o triunfo, o atual líder do ranking mundial, que perdeu apenas duas vezes na temporada 2011, foi o primeiro a garantir vaga na semifinal do Aberto dos Estados Unidos.

Após um dia de recesso, por conta do mau tempo de quarta-feira, o duelo sérvio começou equilibrado. Tipsarevic, 20da ATP, não se intimidou com o momento de seu compatriota e não aliviou a barra.

No primeiro set, foi Nole que atentou mais aos detalhes e venceu no tie break. Na segunda parcial, porém, foi Tipsarevic que teve mais sangue frio nos momentos decisivos e igualou no piso rápido de Flushing Meadows.

Mas foi só empatar para o desempenho de Tipsarevic ruir. O atleta de 27 anos sentiu o desgaste físico, caiu de produção (tomou até um ‘pneu) e, após pedir atendimento médico algumas vezes, decidiu abandonar. Com a cara feia das câimbras, o atleta se despediu do público e foi efusivamente aplaudido pela plateia da quadra principal.

Djokovic espera agora pelo vencedor do embate entre o suíço Roger Federer e o francês Jô-Wilfried Tsonga. O primeiro, inclusive, foi um dos dois que pararam o sérvio na temporada. O revés foi na semifinal de Roland Garros. O britânico Andy Murray foi o responsável pela outra derrota, na final do Masters de Cincinnati.

Continua após a publicidade
Publicidade