Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Comissário diz que NBA tentou negociar e reclama de sindicato

Por Da Redação 15 nov 2011, 08h00

O comissário da NBA, David Stern, divulgou nesta terça-feira um comunicado oficial acusando o advogado do sindicato dos jogadores Jeffrey Kessler de criar uma estratégia para impedir o acordo entre franquias e jogadores no processo de negociação coletiva pela divisão de lucros. Segundo o comissário, Kessler disse em fevereiro de 2010 que os atletas abandonariam a negociação coletiva e entrariam com um processo antitruste contra as equipes da NBA se não conseguissem um acordo considerado aceitável por eles.

“A NBA trabalhou com boa fé durante o processo de negociação coletiva, mas como nossa proposta de acordo revisada não foi de seu agrado, o sindicato decidiu transformar em realidade as ameaças de Kessler”, afirmou o comissário da liga americana. Na segunda-feira, os jogadores recusaram a última proposta apresentada pela NBA de divisão igualitária dos lucros e dissolveram o sindicato, responsável pela negociação coletiva. Os atletas recebiam até 57% do faturamento das equipes até o fim da temporada passada. “Nós vamos tentar um último acordo coletivo, mas a temporada 2012 está em risco”, disse o comissário. Por conta do locaute, a NBA já foi obrigada a cancelar as primeiras semanas do campeonato. Se as duas partes não se acertarem até o dia 15 de dezembro, a temporada deve ser cancelada pela primeira vez na história. (Com agência Gazeta Press)

Publicidade