Clique e assine a partir de 9,90/mês

Coma vence 12ª etapa e recupera liderança do Dacar entre as motos

Por Da Redação - 13 jan 2012, 16h14

Nasca (Peru), 13 jan (EFE).- O espanhol Marc Coma (KTM) recuperou nesta sexta-feira a liderança da classificação geral do Rali Dacar entre as motos ao vencer a 12ª etapa, um especial de 245 quilômetros entre as cidades peruanas de Arequipa e Nasca.

Coma completou o trecho em 2h24min38s, 2min43s à frente do compatriota Joan Barreda (Husqvarna), segundo colocado, e com 3min10s de vantagem para o também espanhol Jordi Viladoms (KTM), terceiro.

Líder da competição até quinta-feira, o francês Cyril Despres (KTM) foi apenas o quarto colocado dia e perdeu a ponta para Coma, caindo para o segundo lugar, com 1min35 de desvantagem.

O dia não foi de grandes resultados para os brasileiros. Único a ter ido bem, Felipe Zanol, também da KTM, obteve a décima colocação do dia e continua ocupando a mesma posição no geral.

Já Zé Hélio (Huqsvarna) completou os 245 quilômetros em 37º e caiu para 19º no somatório das 12 etapas, enquanto Denisio Nascimento (Honda) completou o percurso duas posições abaixo e segue em 24º lugar na classificação.

O dia foi marcado por acidentes no Dacar. Segundo o Escritório Geral de Defesa Nacional do Ministério da Saúde do Peru em comunicado, o motociclista australiano Dean Nonuppal recebeu assistência médica após sofrer uma queda no quilômetro 19 da pan-americana Sul.

Uma menina de 14 anos, por sua vez, foi atropelada por um quadriciclo de outro espectador, na altura do quilômetro 1.001 da pan-americana Sul, em Arequipa, enquanto o piloto amador Fernando Taboada, de 48 anos, caiu nas dunas de Huacachina, perto de Ica.

A rede assistencial de Ica destacou em comunicado que o acidentado recebeu alta do Hospital Augusto Hernández Mendoza após ter sido diagnosticada uma fratura de ulna e de rádio no braço esquerdo, além de outros ferimentos mais leves.

Neste sábado será disputada a 13ª e penúltima etapa, entre Nasca e Pisco, com um percurso total de 375 quilômetros, 275 deles cronometrados. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade