Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Com um a menos, Bragantino busca empate diante do Paraná Clube

Por Da Redação 2 jun 2012, 23h02

O encerramento da quarta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro foi em alto estilo. No estádio Nabi Abi Chedi, em Bragança Paulista, os torcedores não puderam reclamar de falta de gols: Bragantino e Paraná Clube empataram por 3 a 3.

Em função das circunstâncias, o resultado é melhor ao time paulista, que atuou em parte do segundo tempo com um a menos após a expulsão de Éder. Na classificação, o Bragantino chega a quatro pontos, em 12lugar. Sem vencer na competição, o Paraná é o 18 , com apenas dois.

Na Série B do Brasileiro, o Paraná Clube volta a atuar na terça-feira diante do Goiás, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, em jogo atrasado da segunda rodada. Por sua vez, o Bragantino entra em campo na sexta-feira à noite diante do América-RN, no Nazarenão.

O Jogo – Embora fora de casa, o Paraná Clube começou a partida em Bragança Paulista em ritmo alucinante. Em oito minutos, criou duas oportunidades preciosas de balançar as redes, porém o goleiro Alê venceu os duelos com Fernandinho e Ricardo Conceição.

Melhor em campo, o Paraná abriu o placar aos 12 minutos. Wellington aproveitou a sobra dentro da área e chutou firme, rasteiro, sem chances para Alê. Foi um gol justo para a ousadia dos paranaenses.

Continua após a publicidade

Depois da mudança no marcador, o Bragantino conseguiu conter as investidas dos visitantes, mas ainda tinha dificuldades em criar. Aos 24 minutos, a equipe paulista assustou o rival apenas em um chute de longa distância de Fernando Gabriel que raspou o poste.

Ainda assim, o Bragantino obteve a igualdade pouco antes do intervalo, através de um pênalti cometido por Amarildo. Aos 43 minutos, Giancarlo esbanjou tranquilidade e converteu a cobrança.

Emoção e equilíbrio – O segundo tempo começou novamente com o domínio do Paraná Clube. Desta vez, o Tricolor demorou apenas oito minutos para retomar o controle do placar. Após cobrança de falta, Arthur se enfiou entre os zagueiros para completar de cabeça.

No entanto, a reação do Bragantino foi mais rápida. Aos 15 minutos, os donos da casa utilizaram a criatividade para uma linha de passes de cabeça. A conclusão para as redes do Paraná foi de Sílvio.

A partir dos 21 minutos, o Bragantino passou a jogar com um a menos pela expulsão de Éder e se esforçou para segurar o rival. Mas acabou castigado aos 35 minutos, quando Fernandinho cobrou falta por baixo da barreira e marcou o terceiro.

Só que a raça fez a diferença em favor do Bragantino na busca por um novo empate. Aos 38 minutos, Fernando Gabriel acreditou na sobra dentro da área e, com estilo, decretou o empate em um chute de perna esquerda. Final: 3 a 3.

Continua após a publicidade
Publicidade