Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Com título, Corinthians supera Boca em ‘tira teima’ do Mundial-2000

Por Da Redação
5 jul 2012, 00h04

O título mundial de 2000 consta na galeria de Corinthians e Boca Juniors. Com a conquista inédita da Copa Libertadores na noite desta quarta-feira, o time brasileiro, campeão da primeira edição do Mundial organizado pela Fifa há 12 anos, leva a melhor no ‘tira-teima’ com os argentino

Algoz do Palmeiras na final da edição de 2000 da Libertadores, o Boca Juniors participou da Copa Intercontinental, tradicionalmente realizada no Japão ao final de cada temporada. Na decisão do torneio, o time de Buenos Aires venceu por 2 a 1 o poderoso Real Madrid, então defendido por jogadores como o português Figo, o francês Makelele e o espanhol Raul.

No mesmo ano de 2000, a Fifa promoveu pela primeira vez o seu próprio Mundial de Clubes. Em janeiro, 10 meses antes do confronto entre Boca Juniors e Real Madrid, o Corinthians ironicamente superou os ainda fortes espanhóis no caminho até a final com o Vasco, decidida nos pênaltis no Estádio do Maracanã.

O Mundial da Fifa foi retomado apenas em 2005 e atualmente decide o único campeão mundial a cada temporada. No entanto, a primeira edição do torneio passou a ser questionada pelos rivais do Corinthians, principalmente porque o clube não venceu a Libertadores para disputá-la e porque em 2000 o Boca foi campeão intercontinental.

Continua após a publicidade

Um dos principais ídolos da história do time alvinegro, o meia Marcelinho Carioca quase teve sua imagem arranhada ao desperdiçar um pênalti na decisão diante do Vasco. Para o ex-jogador, Boca Juniors e Corinthians merecem o status de campeões mundiais na temporada de 2000.

‘É igual. Nós jogamos contra grandes equipes da Europa e do Oriente Médio, equipes que estavam disputando títulos continentais. Passamos por várias fases, enfrentamos o Real Madrid, com Roberto Carlos e Anelka, e conseguimos chegar ao título contra o Vasco. Para mim, tanto o Corinthians quanto o Boca foram campeões em 2000’, disse Marcelinho à GE.Net.

Em fevereiro de 2000, pouco depois do título do Corinthians no Mundial da Fifa, em resposta a um fax endereçado pela Gazeta Esportiva ao presidente Joseph Blatter, a entidade reconheceu o time brasileiro como ‘o primeiro campeão mundial de clubes oficial’.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.