Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Com Pelé na tribuna, Cosmos goleia Cuba em jogo histórico em Havana

Amistoso vencido pela equipe de Nova York por 4 a 1 reforçou a intenção dos governos de restaurar as relações diplomáticas entre EUA e Cuba

Cuba e Estados Unidos deram mais um passo para melhorar suas relações diplomáticas. Na noite desta terça-feira, o New York Cosmos se tornou a primeira equipe americana a visitar a ilha caribenha desde que os presidentes Barack Obama e Raul Castro anunciaram que buscariam restaurar os laços rompidos em 1961. O time de futebol de Nova York venceu a seleção cubana por 4 a 1, em amistoso no estádio Pedro Marrero, em Havana. O encontro histórico teve um convidado ilustre: o brasileiro Pelé, estrela do Cosmos na década de 70, que assistiu à partida das tribunas.

Leia também:

Em Cuba, Pelé aprova reeleição de Blatter na Fifa

O clima de paz tomou conta do estádio, que recebeu ótimo público – nas arquibancas, torcedores cubanos exibiram bandeiras dos dois países. Os gols da vitória do Cosmos foram marcados por Lucky Mkosana (2), Sebastián Guenzatti e Hagop Chirishian, todos no primeiro tempo. Na segunda etapa, Andy Vaquero descontou para os centro-americanos. O atacante espanhol Raúl González, ídolo do Real Madrid e da seleção espanhola e que agora atua no Cosmos, participou do duelo.

O Cosmos foi a primeira equipe profissional dos Estados Unidos a jogar espontaneamente em solo cubano desde 1999, quando o Baltimore Orioles, de beisebol, jogou contra o time nacional da ilha caribenha (em 2008, a seleção americana masculina de futebol também esteve em Havana, em vitória por 1 a 0 sobre Cuba, mas o jogo era válido pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2010, portanto, os países foram obrigados a aceitar o duelo).

Pelé acena para os fãs nas arquibancadas do estádio Pedro Marrero, em Havana, Cuba

 (/)

(com Gazeta Press)