Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Com ‘manobra’, Gérson Magrão pode começar a treinar na próxima semana

Após dizer que não negociaria com Gérson Magrão enquanto o lateral esquerdo estivesse vinculado ao Dínamo de Kiev (UCR), o Santos pode receber o jogador para manter a forma física e treinar no CT Rei Pelé. Em litígio com o time ucraniano, Magrão pode se utilizar de uma manobra jurídica, sendo inscrito pelo Primavera de Indaiatuba (SP) antes de ser registrado por outra equipe. Quando conseguir a liberação, o Peixe deve ser o destino escolhido pelo atleta.

Gérson Magrão rompeu seu vínculo com o Dínamo, através de uma decisão judicial, em agosto do último ano, alegando salários atrasados. Os ucranianos contestam a decisão e o imbróglio deve ser resolvido pela Fifa.

Por essa razão e para evitar prejuízos ao clube onde escolher jogar, o lateral deve ter o seu Certificado Internacional de Transferência (CIT) solicitado pelo Primavera de Indaiatuba, desde que o Comitê do Estatuto do Jogador, órgão ligado a Fifa, autorize o pedido. A tendência é que isso ocorra até sexta-feira.

Depois dessa solicitação e a sua devida autorização, Magrão poderá iniciar os treinos na próxima semana, no CT Rei Pelé, até que haja uma resolução definitiva sobre o assunto, o que deve ocorrer dentro do prazo de um mês.

A intenção da diretoria santista, caso a decisão da Fifa seja favorável ao lateral esquerdo, é firmar um contrato de três anos com Gérson Magrão.