Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Com lesão leve, Falcão continuará no Mundial de futsal

Seleção espera contar com seu craque na semifinal e na final da competição

Por Da Redação 2 nov 2012, 07h52

“Tenho quinze dias para me recuperar. Acredito muito”, disse o jogador em vídeo divulgado pela confederação

A comissão técnica da seleção brasileira de futsal recebeu uma ótima notícia na manhã desta sexta-feira: o craque Falcão, que se machucou na quinta, na estreia da Copa do Mundo da modalidade, na Tailândia, seguirá na competição. Depois da partida contra o Japão, vencida pelo Brasil por 4 a 1, Falcão tinha dito que deveria deixar o time, já que não teria condições físicas para continuar. O ala, porém, passou por uma ressonância magnética e o exame apontou apenas uma contratura de grau 2 na panturrilha. De acordo com o médico Aloir Neri, o camisa 12 precisará de dez a quinze dias para se recuperar totalmente. “Temos a grande esperança de contar com ele na semifinal e final. Portanto, vamos tratá-lo de forma intensiva para recuperá-lo”, disse.

Leia também:

Leia também: Para Falcão, Copa do Mundo de futsal será bastante equilibrada

Em vídeo divulgado pelo site oficial da Confederação Brasileira de Futebol de Salão (CBFS), Falcão se disse grato pelo apoio da torcida brasileira e comemorou o fato de sua lesão não ter sido tão grave. Depois da partida contra os japoneses, o atleta disse que, “pelo que conhecia, estava fora do Mundial”, o último de sua carreira. “Tenho quinze dias para me recuperar. Acredito muito. Obrigado por todo o carinho de vocês, que acreditam em mim”, disse o jogador, principal nome de sua modalidade. A equipe do técnico Marcos Sorato voltará à quadra no domingo, às 12 horas (no horário de Brasília), contra a Líbia, que vem de derrota para Portugal, pelo Grupo C da Copa do Mundo.

(Com agência Gazeta Press)

Continua após a publicidade
Publicidade