Clique e assine a partir de 9,90/mês

Com infecção no olho, Djokovic abandona jogo em Dubai

Número 1 do mundo foi atendido após perder o primeiro set mas decidiu deixar a quadra e dar à vitória a Feliciano López no ATP 500. Foi a primeira derrota do sérvio em 2016

Por Da Redação - 25 fev 2016, 18h14

O sérvio Novak Djokovic precisou abandonar nesta quinta-feira a partida diante do espanhol Feliciano López por causa de uma infecção no olho que vinha incomodando o número 1 do mundo há alguns dias. Após jogar mal e perder o primeiro set por 6/3, o tenista pediu atendimento, apontou diversas vezes para o rosto enquanto conversava com o médico e decidiu abandonar a quadra.

A partida era válida para avançar à semifinal do ATP 500 de Dubai, mas com a decisão de deixar o confronto Djoko decretou sua primeira derrota na temporada, um dia depois de completar 700 vitórias na carreira.

O sérvio, apesar da incômoda lesão no olho, vive grande momento. Esta será a primeira vez que ele não estará na final de um torneio em mais de um ano. A última vez que isso aconteceu foi em Doha, em janeiro de 2015, quando ele caiu nas quartas de final para Ivo Karlovic.

Com a queda de Djokovic, o favoritismo em Dubai ficou com o suíço Stanilas Wawrinka. O cabeça de chave número 2 do torneio chegou às semifinais nesta quinta ao eliminar o alemão Philipp Kohlscheiber, por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/1. Para avançar à final, Wawrinka terá que passar por outra surpresa da competição: o australiano Nick Kyrgios. O temperamental número 33 do ranking eliminou o terceiro cabeça de chave em Dubai, o checo Tomas Berdych, por 2 sets a 0, com duplo 6/4.

Leia também:

Tenistas são investigados por suspeita de manipulação no Aberto da Austrália​

De Chapolin a estampa de coqueiro: os figurinos mais ousados do Aberto da Austrália

Último rival de Guga, Hewitt perde no Aberto da Austrália e se aposenta aos 34 anos

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade