Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Com gols de Falcão, Brasil elimina Argentina e vai à semi

Em jogo emocionante, seleção sai perdendo e sela vitória só na prorrogação

O gol que levou o jogo à prorrogação foi marcado por Falcão a apenas seis minutos do fim. No tempo adicional, o craque decidiu de novo

O Brasil se classificou nesta quarta-feira para a semifinal da Copa do Mundo de Futsal da Fifa, disputada na Tailândia. Ainda longe de sua melhor forma física, Falcão jogou no sacrifício e marcou dois gols na virada por 3 a 2 sobre a Argentina. O melhor jogador de futsal do mundo se recupera de uma contusão, mas não quer perder a chance de erguer a taça no último Mundial de sua carreira. Eficiente no primeiro tempo, a Argentina foi para o intervalo em vantagem, com gols de Rescia e Borruto. No segundo tempo, depois de uma série de quatro chutes na trave, já com Falcão em quadra, o Brasil diminuiu com Simi e empatou com o camisa 12. No tempo extra, contou com mais um gol do craque para se classificar.

Leia também:

Leia também: Em Bangcoc, a Fifa deixa claro que não hesita em vetar arenas

Diante dos argentinos, a seleção esteve em desvantagem no placar pela primeira vez na Copa do Mundo. O time, porém, passou no teste, superou a adversidade e mostrou que está firme na briga por mais um título. Atual campeão, o Brasil enfrenta na semifinal o ganhador do confronto entre Colômbia e Ucrânia. Por ainda estar em recuperação, Falcão começou a partida desta quarta no banco de reservas. Espera-se que na semi ele já esteja pronto para jogar mais tempo. Apesar de ter um maior volume de jogo, o Brasil sofreu dois gols na parte final do primeiro tempo. A seleção partiu para o ataque e pressionou muito, exigindo boas defesas do goleiro argentino Elias. O gol que levou o jogo à prorrogação foi marcado por Falcão a apenas seis minutos do fim. No tempo adicional, o craque decidiu ao chutar forte depois de uma cobrança de escanteio. Falcão foi abraçado por todos os companheiros e chorou ao correr para o banco de reservas para comemorar.

(Com agência Gazeta Press)