Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Com gol de Luís Fabiano, São Paulo bate Bahia

Atacante marcou o único gol da primeira vitória são-paulina no Brasileirão

Por Da Redação - 27 maio 2012, 17h57

O São Paulo não contava com treze jogadores, mas, com um gol do centroavante Luis Fabiano, superou as adversidades e venceu o Bahia por 1 a 0, no Morumbi. Conquistou, com isso, sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro.

Sem quatro titulares e com dificuldades até para encher seu banco de reservas, o clube paulista não conseguiu impor um ritmo forte e dominar o confronto. Aos doze minutos do segundo tempo, porém, um cruzamento errado de Piris e um chute de Osvaldo, bloqueado pelo goleiro Marcelo Lomba, deram o rebote que Luis Fabiano precisava para balançar as redes.

O gol minimizou os prejuízos da equipe que não pôde escalar Bruno Uvini, Casemiro e Lucas, que estão na Seleção Brasileira. João Felipe, Henrique Miranda e Ademilson ficaram de fora, pois compõem a Seleção sub-20. Rogério Ceni, Douglas, Rhodolfo, Wellington, Fabrício e Cañete foram vetados pelos médicos. Por fim, João Filipe teve de viajar para o Rio de Janeiro para acompanhar o filho doente. Os nordestinos atuaram sem Coelho, Morais e Souza, machucados, e Gabriel, com virose.

Na primeira etapa, o São Paulo demonstrou muita dificuldade para penetrar, graças à falta de entrosamento de seus jogadores. O Bahia conseguiu controlar bem o meio de campo dos donos da casa e foram raras as chances de gol. Aos 27 minutos, Luis Fabiano desperdiçou um belo passe de Jadson e, já no fim, Lulinha bateu com perigo, na resposta dos baianos.

Publicidade

Na segunda etapa, o São Paulo adiantou a marcação e passou a ter maior domínio da partida, até chegar ao gol. Após cruzamento errado de Piris, um rebote de Osvaldo terminou no gol de Luis Fabiano, aos doze minutos.

Depois disso, contudo, Osvaldo sumiu, assim como a presença são-paulina no ataque. Aos poucos, o Bahia voltou a trocar passes em seu campo ofensivo, e Falcão percebeu isso ao colocar Ciro e Rafael na frente.

As tentativas do ex-volante, contudo, não deram resultado. O São Paulo soube reconhecer suas limitações e passou a marcar em busca de uma bola roubada que pudesse ser entregue a seus pontas. Assim, até balançou as redes com Osvaldo, aos 31 minutos, mas o gol foi anulado por impedimento. Nos acréscimos, ainda houve tempo para Denis salvar o São Paulo em chuta de Fahel e Osvaldo acertar a trave.

O São Paulo, que somou seus primeiros três pontos nesta edição da liga nacional, agora terá tempo para solucionar alguns de seus problemas: o próximo jogo será só em 6 de junho, contra o Internacional, no Rio Grande do Sul. Já o Bahia, dono de um ponto em duas rodadas, atua também no próximo dia 6, quando visitará o Atlético-MG.

Publicidade

(com agência Gazeta Press)

Publicidade