Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Com gol de Aloíso Chulapa, CRB-AL vence o Avaí no Rei Pelé

Jogando no estádio Rei Pelé, em Maceió (AL), na tarde deste sábado, o CRB conseguiu fazer a lição de casa e venceu o Avaí por 2 a 0, em partida válida pela décima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O destaque do jogo foi o atacante Aloísio Chulapa, que voltou à equipe e marcou o segundo gol dos alvirrubros.

Com o resultado, a equipe alagoana chegou aos 13 pontos conquistados na competição e subiu consideravelmente na tabela, cumprindo o objetivo de se distanciar da zona de rebaixamento. Já o Avaí, permanece com 14 pontos e vê a distância para os quatro primeiros colocados aumentar.

As duas equipes voltam a campo pela 11rodada da segunda divisão nacional já na próxima terça-feira, quando a competição tem rodada cheia. O Galo da Pajuçara vai ao estádio Dilzon de Melo, em Varginha, enfrentar o Boa-MG, enquanto o Leão da Ilha enfrenta o Atlético-PR na Ressacada.

O JOGO:O CRB começou à frente na partida e teve a primeira oportunidade de perigo aos quatro minutos de jogo, quando o atacante Edson aproveitou a sobra de bola após um chute forte de Roberto Lopes, espalmado pelo goleiro Diego, e acertou o cabeceio, mas a bola foi para fora.

A resposta do Avaí aconteceu aos 11 minutos, quando Nunes se viu em boa posição após cruzamento de Diogo Acosta, mas o juiz anotou impedimento. Três minutos depois foi a vez de Acosta ter uma oportunidade, mas a zaga alvirrubra afastou.

O atacante Edson, do CRB, foi o responsável por outras duas chances da equipe no jogo. Aos 18 minutos, o atacante cabeceou para fora e aos 28, quando Elsinho se livrou de dois adversários e cruzou.

As duas últimas chances do primeiro tempo foram da equipe catarinense: com Patric, que chutou forte de fora da área após cruzamento de Pirão, mas a bola parou nas mãos do goleiro Cristiano e com Cléber Santana em cobrança de falta e, na sequência, com Jefferson Maranhão, que tentou aproveitar a sobra, mas não concluiu com sucesso.

A primeira etapa sem gols não impulsionou os jogadores a tentarem balançar as redes no retorno do intervalo e o segundo tempo começou mais monótono do que o encerramento do primeiro.

No entanto, a primeira boa chance dos últimos 45 minutos da partida foi convertida com sucesso, justamente pelo camisa 9 Edson, que se redimiu após desperdiçar três boas chances no primeiro tempo. Aos 12 minutos, o atacante encontrou a bola na pequena área após cruzamento pela esquerda de Geovani, e quase entrou com bola e tudo na meta defendida pelo goleiro Diego.

Com o gol, a torcida do CRB que compareceu ao estádio Rei Pelé se animou e começou a incentivar o time. A vantagem no placar fez com que o técnico Roberto Fonseca se sentisse à vontade para colocar o atacante Aloísio Chulapa na partida, após dois meses se recuperando de uma cirurgia no joelho.

A entrada do experiente atacante movimentou ainda mais o setor ofensivo do CRB, que já era superior na partida. Após o gol, o meia Cléber Santana sumiu na partida e o setor de criação do Leão da Ilha foi afetado, possibilitando cada vez mais que a equipe da casa mandasse nos últimos momentos da partida.

Aos 42 minutos do segundo tempo, foi justamente o ídolo da torcida que consolidou a vitória da equipe: Aloísio Chulapa encontrou a bola na pequena área após cobrança de falta e, de cabeça, marcou o segundo do CRB no jogo, levando a torcida ao delírio.