Clique e assine a partir de 8,90/mês

Com gol aos 45 do 2º tempo, Atlético-MG adia festa do Corinthians

Meio-campo Dátolo marcou contra o Figueirense e deixou comemoração do hexa do Timão para a próxima rodada

Por Da Redação - 8 nov 2015, 18h07

Com gol de Dátolo, aos 45 minutos do segundo tempo, o Atlético Mineiro derrotou o Figueirense e adiou a festa do Corinthians, que poderia se sagrar hexacampeão brasileiro neste domingo, com quatro rodadas de antecipação.

Depois da vitória deste sábado sobe o Coritiba, por 2 a 1, o time treinado por Tite alcançou 76 pontos, enquanto o Atlético-MG tinha 62. Assim, bastava um empate entre Atlético-MG e Figueirense, na partida disputada no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, para que o Timão não pudesse mais ser alcançado na competição.

O resultado positivo levou o time de Belo Horizonte aos 65 pontos na vice-liderança, sendo que ainda há 12 pontos a serem disputados nas quatro rodadas finais do Brasileirão. Já o Figueirense estacionou nos 36 pontos, na 15ª posição, e segue sob séria ameaça do rebaixamento.

Para seguir com chances matemáticas de ser campeão, o Atlético-MG precisa vencer o São Paulo na 35ª rodada, no próximo dia 19, às 22 horas, no Morumbi, e ainda torcer para o Corinthians não bater o Vasco no mesmo dia e horário, no Rio.

Jogo – No duelo deste domingo na nublada Florianópolis, o Atlético jogou pouco pra merecer uma vitória sobre o time catarinense, que teve maior volume ofensivo e desperdiçou grandes oportunidades de marcar, sendo as duas principais delas por meio do ex-corintiano Carlos Alberto, campeão brasileiro pela equipe paulista em 2005.

No final da partida, porém, os erros ofensivos da equipe da casa pesaram e o Atlético soube aproveitar a boa chance que teve no final para marcar com Dátolo e seguir vivo na luta pelo título nacional, embora a esta altura do campeonato essa esperança seja mais matemática do que real para o seu torcedor.

Quando o empate e o título antecipado do Corinthians já parecia definido, a estrela de Dátolo brilhou aos 45 minutos do segundo tempo. Patric recebeu a bola na direita e tocou para Luan na área. O atacante driblou o marcador e passou para Dátolo. Com categoria, o argentino deixou um zagueiro no chão com belo drible e tocou no canto esquerdo baixo de Alex Muralha.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade