Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Com chuva e lama, JP de Oliveira vence rali de Rubinho no Parque São Jorge

Com futuro incerto na Fórmula 1, o corintiano Rubens Barrichello resolveu organizar uma prova de rali neste final de semana. A chuva que atingiu a região do Parque São Jorge à tarde enlameou o trajeto e prejudicou a disputa, vencida por João Paulo de Oliveira, da Fórmula Nippon.

Alguns dos principais nomes do automobilismo brasileiro participaram do Rali de São Paulo, mas caíram logo nas primeiras eliminatórias, como Hélio Castroneves, Tony Kanaan e Vitor Meira, da Fórmula Indy, além de Gil de Ferran, ex-competidor da categoria. O próprio Barrichello saiu nas oitavas de final.

Desta forma, avançaram para a semifinal, além de João Paulo de Oliveira, Nelsinho Piquet, Lucas di Grassi e Antonio Pizzonia, todos ex-pilotos de Fórmula 1. O regulamento inicial previa eliminatórias em duplas, mas a organização resolveu promover uma mudança de última hora e colocou os quatro carros na decisão.

Com o trajeto enlameado pela chuva, a final, disputada diante de um público inexpressivo, foi melancólica e com baixa velocidade. Logo no início, o carro de Pizzonia atolou. Nelsinho chegou a assumir a liderança, mas em seguida foi ultrapassado por Oliveira. Di Grassi conseguiu controlar o carro e cruzou em terceiro.

‘Estava muito difícil de guiar por causa da lama. Acho que a bateria anterior me deu a experiência para que eu pudesse vencer essa bateria. Como ninguém conhecia esse tipo de condição, tive um pouco de vantagem pela bateria anterior’, disse à Sportv Oliveira, que embolou R$ 150 mil como prêmio.

Rubens Barrichello, por sua vez, fez um balanço positivo da primeira edição do Rali de São Paulo. ‘Falamos tanto de trazer um caminhão pipa para molhar o trajeto, mas não precisou. Para um primeiro evento, acho que foi bom. Aprendemos muita coisa para usar no ano que vem’, analisou.

Confira os detalhes do Rali de São Paulo:

Finalistas

João Paulo de Oliveira (campeão)

Nelsinho Piquet

Lucas di Grassi

Antonio Pizzonia

Quartas de final

Hélio Castroneves (eliminado por Pizzonia)

Thiago Camilo (eliminado por Di Grassi)

Max Wilson (eliminado por Nelsinho)

Bia Figueiredo (eliminado por Oliveira)

Oitavas de final

Gil de Ferran (eliminado por Camilo)

Tuka Rocha (eliminado por Wilson)

Roberval Andrade (eliminado por Pizzonia)

Thiago Marques (eliminado por Di Grassi)

Rubens Barrichello (eliminado por Castroneves)

Felipe Giaffone (eliminado por Oliveira)

Tony Kanaan (eliminado por Nelsinho)

Vitor Meira (eliminado por Figueiredo)