Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Com atuação discreta de brasileiras, Atlanta Dream perde na WNBA

O Atlanta Dream perdeu, nesta quarta-feira, para o Minnesota Lynx por 101 a 95 e viu as rivais abrirem 2 a 0 nos playoffs da final da WNBA (Liga Norte-americana de Basquete Feminino). As brasileiras Érika e Iziane tiveram desempenhos discretos.

Após ser derrotado no primeiro jogo, que foi realizado no domingo, (por 88 a 74), o Dream começou com tudo o duelo desta quarta-feira, sendo conduzido principalmente pela inspiração da ala McCoughtry, que terminou como a cestinha com 38 tentos. Ambas as partidas foram em Mineápolis.

Contudo, as mandantes equilibraram na volta do intervalo e, nos últimos períodos, jogaram melhor que as adversárias. O último quarto, inclusive, foi 32 a 21, diferença que acabou sendo determinante para o resultado final.

Agora, a franquia da Geórgia, que foi vice-campeã na temporada passada, terá dois embates em casa para igular a série melhor de cinco. Caso contrário, será varrida na decisão (assim como foi no último ano).

Campeã do Pré-Olímpico com a Seleção Brasileira, a pivô Érika anotou oito marcações e pegou dez rebotes em 26 minutos em quadra. Semelhante à compatriota Iziane (a qual pediu dispensa para disputar a semifinal do torneio), que contabilizou 14 acertos em 25 minutos.

A dupla verde-amarela foi convocada, nesta quarta-feira, pelo técnico Enio Vecchi para os Jogos Pan-americanos de Guadalajara.