Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Com 5 atacantes, Argentina de Sampaoli faz 6 a 0

Mesmo sem Messi, seleção argentina goleou a fraca Cingapura fora de casa

O técnico Jorge Sampaoli segue dando à seleção argentina um impulso semelhante ao de Tite para o Brasil. Quatro dias depois de vencer o clássico sul-americano, a Argentina – já sem Lionel Messi, de férias em Ibiza – foi ao ataque e goleou a fraca seleção de Cingapura por 6 a 0, em amistoso na casa do adversário.

Assim como Tite fez na goleada sobre a Austrália, Sampaoli deu descanso a seus principais jogadores e levou a campo vários atletas que ainda buscam garantir vaga no time que irá ao Mundial – claro, caso a Argentina se classifique (é a quinta colocada nas Eliminatórias no momento). Mesmo sem os dispensados Messi e Higuaín, Sampaoli escalou o time argentino de forma bastante ofensiva nesta terça, levando a campo um quinteto de frente: Alejandro Gómez, Paulo Dybala, Ángel Di María, Ángel Correa e Manuel Lanzini.

E atuando contra a 157ª colocada do ranking da Fifa, a Argentina ganhou com facilidade. No primeiro tempo, fez 2 a 0 no placar com gols de Federico Fazio e Joaquín Correa. As duas jogadas que resultaram nos gols foram originadas por jogadas de bola parada, assim como o gol diante da seleção brasileira. No segundo tempo, os argentinos ampliaram o placar em chute de fora da área de Alejandro Gómez. E também com um disparo de longa distância, Leandro Paredes fez o quarto.

O placar parecia já certo, mas no finalzinho o time de Sampaoli marcou mais dois gols. Primeiro aos 45 com Lucas Alario após assistência de Di María, antes de o próprio atacante argentino do Paris Saint-Germain decretar o 6 a 0 nos acréscimos.

Sampaoli acumulou duas vitórias, sete gols marcados e nenhum sofrido em suas duas primeiras partidas à frente da equipe nacional.Ele agora mira as Eliminatórias Sul-Americanas, nas quais a Argentina ocupa um incômodo quinto lugar, posto que hoje obrigaria o país a jogar uma repescagem contra o campeão da Oceania por vaga na Copa de 2018. O próximo duelo será contra o Uruguai, no dia 31 de agosto, em Montevidéu.

(com Estadão Conteúdo)