Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cobrado em decisões, Lucas busca corresponder com título no S. Paulo

Aos 19 anos, Lucas carrega no São Paulo a responsabilidade de ser decisivo em uma conquista pelo clube do Morumbi. Desde que estreou no time profissional, em 2010, o camisa 7 ainda não conseguiu levar sua equipe a um título e, cobrado para que consiga o feito na Copa do Brasil, o meia-atacante afirmou que está pronto para corresponder.

‘Sei do patamar que alcancei e serei cobrado em jogos decisivos. Estou tranquilo, vou entrar pensando em ajudar o São Paulo e agora resta corresponder dentro de campo’, disse o jogador, após o treinamento desta quarta-feira, no CT da Barra Funda.

‘Não tem como fugir da responsabilidade. Todo clube tem o jogador mais cobrado e se quero ser o melhor jogador um dia, tenho que ser cobrado. Procuro fazer meu melhor quando entro em campo. A pior pressão é a interna, que você mesmo coloca e pode te atrapalhar. Tento esquecer isso e fazer o que amo, que é jogar futebol’, acrescentou.

Da mesma geração de Neymar, o meia-atacante são-paulino sofreu com as comparações entre o seu futebol e o do atacante santista. Enquanto o camisa 11 do time alvinegro já conquistou dois Paulistas, uma Copa do Brasil e uma Libertadores com o Peixe, Lucas se motiva com a busca pelo seu primeiro troféu com a equipe paulista.

‘Eu quero conquistarmuito mais que ele. O Neymar já alcançou um nível mais alto, está entre os melhores jogadores do mundo, é mais ‘macaco velho’. Não conquistei nada pelo meu clube, e estou muito ansioso para recolocar o São Paulo na Libertadores’, emendo

Para conseguir o feito, o jogador inicia com o time de Emerson Leão a disputa por uma vaga na Copa do Brasil, competição que dá ao vencedor uma vaga na Libertadores-2013. Companheiro de ataque de Luís Fabiano no Tricolor, o camisa 7 estará em campo nesta quinta-feira, às 21 horas (de Brasília), contra o Coritiba, no estádio do Morumbi.