Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Chance de medalha no surfe, futebol e mais: o que ver nos jogos de Tóquio

Gabriel Medina, Ítalo Ferreira e Silvana Lima podem conseguir durante a madrugada no Brasil uma inédita medalha para o esporte após antecipação de finais

Por Da Redação 26 jul 2021, 15h42

Depois de conquistar a sua terceira medalha nos Jogos de Tóquio – com Rayssa Leal, de apenas 13 anos, prata no skate feminino –, o Brasil tem chances de terminar o sétimo dia de competições com outros feitos inéditos. A organização da Olimpíada informou que, em razão da aproximação de um tufão da costa japonesa, antecipará para esta madrugada (no horário brasileiro) a disputa das finais do surfe. O país conta com três possibilidades de medalha: Gabriel Medina, Ítalo Ferreira e Silvana Lima. Todos estão nas quartas de final.

Campeão mundial em 2014 e 2018 e um dos favoritos ao ouro, Medina, 27 anos, enfrenta o francês Michel Bourez, bem mais experiente, de 35, mas de currículo modesto. Ele se notabilizou em 2020 por uma notícia atípica, enquanto fazia uma travessia de foilboard (um tipo de prancha) e acabou perseguido por um tubarão-martelo, que mordeu a sua prancha em duas oportunidades.

Atual campeão da World Surf League (WSL), Ítalo Ferreira enfrentará o japonês Hiroto Ohhara, enquanto na chave feminina, Silvana Lima terá um difícil embate contra a americana Carissa Moore, campeã do circuito em quatro oportunidades: 2011, 2013, 2015 e 2019. As fases são eliminatórias.

  • As semifinais têm previsão para acontecer às 23h48, a masculina, e 1h (já de terça-feira, 27), a feminina. A decisão da medalha de bronze ocorrerá às 2h16 e 3h01, no masculino e feminino, respectivamente. As finais serão às 3h46 e 4h31.

    Além do surfe, o país também tenta medalha no triatlo feminino, com Luisa Baptista e Vittoria Lopes. No masculino, o brasileiro Manoel Messias ficou apenas na 24ª posição. A prova começa às 18h30.

    Na natação, Fernando Scheffer busca o ouro na final dos 200 metros livre masculino. Antes da Olimpíada, o nadador sequer era cotado como um dos potenciais medalhistas, mas agora tem chances reais de subir ao pódio. A prova acontece às 22h43. Mais tarde, às 23h35, é a vez de Leonardo de Deus disputar a semifinal dos 200m borboleta.

    O dia olímpico dos brasileiros ainda conta com o segundo jogo da seleção feminina de handebol. Após empatar na estreia, a equipe busca a primeira vitória, diante da Hungria, às 23h. Mesmo horário em que jogará Gustavo Tsuboi, pela segunda rodada do tênis de mesa. No judô, Ketelyn Quadros (até 63kg) luta às 23h35.

    Após a meia-noite, dezenove provas ou partidas envolvendo brasileiros poderão ser acompanhadas. Na vela, entre todas as classes, destaque para Robert Scheidt, na laser, à 0h15. Maior medalhista olímpico do Brasil em toda a história, ele iniciou a sua sétima Olimpíada. Na primeira regata, terminou em 11º lugar, somando 11 pontos.

    Além do velejador, o país terá também jogos do vôlei de praia masculino e feminino, tênis feminino, com a dupla Luisa Stefani e Laura Pigossi, boxe, natação, vôlei de quadra masculino e o futebol feminino. Após um empate por 3 a 3 com a seleção holandesa, além da estreia com goleada por 5 a 0, a equipe da técnica Pia Sundhage encerra a sua participação na fase de grupos contra Zâmbia, às 8h30.

    Confira a agenda do sétimo dia (horários de Brasília):

    Triatlo feminino – Final
    18h30 – Luisa Baptista e Vittoria Lopes

    Surfe masculino – Quartas de final
    19h – Gabriel Medina
    19h – Ítalo Ferreira

    Surfe feminino – Quartas de final
    21h24 – Silvana Lima

    Natação – Final dos 200m livre masculino
    22h43 – Fernando Scheffer

    Handebol feminino – Fase de grupos
    23h – Brasil x Hungria

    Tênis de mesa masculino – Terceira rodada
    23h – Gustavo Tsuboi

    Natação – Semifinal dos 200m borboleta masculino
    23h35 – Leonardo de Deus

    Judô – Primeira rodada até 63kg feminino
    23h35 – Ketelyn Quadros

    Continua após a publicidade

    Tênis de mesa masculino – Terceira rodada
    0h – Hugo Calderano

    Vôlei de praia masculino – Segunda rodada
    0h – Alison e Flávio

    Vela classe 49er FX feminino – 1ª, 2ª e 3ª regatas
    0h05 – Martine Grael e Kahena Kunze

    Vela classe Laser masculino – 4ª, 5ª e 6ª regatas
    0h15 – Robert Scheidt

    Judô – Segunda rodada até 81kg masculino
    00h17 – Eduardo Yudi Santos

    Vela classe Finn masculino – 1ª e 2ª regatas
    01h15 – Jorge Zarif

    Canoagem slalom K1 feminino – Semifinal
    2h – Ana Sátila Vargas

    Vela classe 49er FX masculino – 1ª, 2ª e 3ª regatas
    2h50 – Gabriel Borges e Marco Grael

    Vôlei de praia masculino – Segunda rodada
    3h – Evandro e Bruno Schmidt

    Ciclismo mountain bike cross country feminino – Final
    3h – Jaqueline Mourão

    Tênis feminino de duplas – Oitavas de final
    5h30 – Luisa Stefani e Laura Pigossi

    Boxe peso pesado masculino – Oitavas de final
    6h18 – Abner Teixeira

    Natação – Classificatórias dos 100m livre masculino
    7h02 – Gabriel Santos e Pedro Spajari

    Vôlei de quadra masculino – Segunda rodada da fase de grupos
    7h40 – Brasil x República Dominicana

    Futebol feminino – Terceira rodada da fase de grupos
    8h30 – Brasil x Zâmbia

    Natação – Classificatórias dos 4x200m livre masculino
    8h37 – Murilo Sartori, Fernando Scheffer, Breno Correia e Luiz Altamir

    Natação – Classificatórias dos 800m livre masculino
    8h17 – Guilherme Costa

    Vôlei de praia feminino – Segunda rodada
    10h – Agatha e Duda

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade