Clique e assine a partir de 9,90/mês

Casagrande critica o Flamengo: ‘Parecia um forno. Estou revoltado’

O ex-jogador do Flamengo criticou a estrutura que o clube montou para abrigar os atletas das categorias de base

Por Alexandre Senechal, do Rio de Janeiro - Atualizado em 9 fev 2019, 12h41 - Publicado em 9 fev 2019, 11h47

Walter Casagrande Júnior não poupou críticas ao Flamengo pelo incêndio que matou 10 atletas das categorias de base do clube nesta sexta-feira, 8. O ex-jogador, que defendeu as cores da equipe carioca em 1993, reclamou da falta de estrutura e da forma como foi montado o container, que se transformou em um “forno” quando começou a pegar fogo.

“O container só tinha uma porta de saída. Se aquilo pega fogo, vira um forno. Estou revoltado com o que aconteceu com esses garotos. Eles tinham um futuro brilhante pela frente”, afirmou o comentarista em entrevista para a GloboNews na manhã desse domingo.

Casagrande ainda ressaltou que o Flamengo não tinha a documentação necessária para manter os jovens jogadores alojados no centro de treinamento. “O clube não tinha nem alvará e mesmo assim montou os containers”.

Publicidade