Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cartola do Real tenta afastar crise: ‘Sucesso nos confundiu’

Florentino Pérez teve uma reunião com o técnico Carlo Ancelotti e os jogadores

A goleada sofrida diante do rival Atlético de Madri, seguida da controversa festa de aniversário de Cristiano Ronaldo, fez com que o presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, interviesse para tentar afastar a crise que cerca o atual campeão europeu. Nesta segunda-feira, torcedores da equipe foram até o centro de treinamento de Valdebebas para protestar, com uma faixa que dizia “O riso de vocês é nossa vergonha”, em alusão à farra protagonizada pelo craque português e outros colegas do elenco logo após a derrota por 4 a 0 no clássico da capital espanhola. De acordo com a edição desta terça-feira do diário Marca, Florentino Pérez também apareceu no treinamento e dedicou palavras duras ao treinador Carlo Ancelotti e aos atletas.

Leia também:

Festa de Cristiano após goleada abre crise no Real Madrid

Atlético de Madri goleia o Real. Teve até gol de bicicleta ​

Imprensa espanhola compara os aniversariantes Neymar e Cristiano – e brasileiro goleia

Pérez teria permanecido cerca de duas horas em Valdebebas. Primeiro, repassou a “cartilha” do clube a Ancelotti, que segundo ele, estaria dando muitas regalias aos atletas. Ele não chegou a dar um ultimato ao italiano, mas deixou claro que exigia uma mudança de postura do time. Aos atletas, Florentino relembrou as conquistas do ano anterior (Liga dos Campeões, Copa do Rei e Mundial de Clubes) e disse que a equipe havia relaxado. “O sucesso nos confundiu. Essa camisa merece muito mais. Lembrem-se que isso é o Real Madrid, um clube admirado por milhões de pessoas em todo o mundo”, teria dito o presidente, de acordo com o Marca.

Em seguida, Florentino Pérez teria baixado o tom de seu discurso para mostrar que confía no grupo. “Temos que recuperar o espírito de equipe, se não estaremos perdidos.” Apesar da série ruim e da confusão envolvendo a festa do melhor jogador do mundo, o Real Madrid segue vivo na Liga dos Campeões, onde enfrentará o alemão Schalke 04 pelas oitavas de final, e é o líder do Campeonato Espanhol, com 54 pontos, um a mais que o Barcelona.