Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Caio Júnior diz que Grêmio começará 2012 sob pressão

Por AE

Rio – O técnico Caio Júnior foi apresentado pelo Grêmio na segunda-feira, quando os jogadores já estavam em férias, e deu início imediato o planejamento para a próxima temporada. Nesta quarta, o treinador reconheceu que a cobrança sobre o clube gaúcho em 2012 será grande, já que o time não conquistou títulos nesta temporada e nem se classificou para a próxima edição da Libertadores.

“Estou de férias, mas já trabalhando com conversas, busca de nomes, tentando entender o elenco. Ver quem fica e quem sai. É um trabalho difícil, de montagem de elenco. Temos que fazer o Grêmio ser competitivo e vencedor. O ano de 2011 não foi bom e por isso a responsabilidade do Grêmio para 2012 aumenta”, disse, em entrevista ao SporTV.

Para a próxima temporada, o Grêmio já se reforçou com o atacante Kléber. De acordo com Caio Júnior, agora o time gaúcho precisa contratar jogadores velozes. “A principal carência do elenco é a falta de velocidade. Faltou isso ao Grêmio em 2011 nessa reta final. Os dirigentes concordam. É preciso esse equilíbrio de posse de bola e velocidade”.

BOTAFOGO – Demitido do Botafogo em novembro, na reta final do Campeonato Brasileiro, Caio Júnior negou que problemas de relacionamento no elenco tenham sido responsáveis pela queda de rendimento do time carioca, que chegou a almejar o título, mas não conseguiu nem obter uma vaga na próxima Libertadores. O treinador também aproveitou para defender o seu trabalho.

“Quando não se conquista se tenta encontrar explicações. É a dificuldade do campeonato. Não foi só o Botafogo que não conseguiu chegar. O Botafogo teve um campeonato tranquilo e sem sustos. É preciso ver o lado positivo”, afirmou Caio Júnior.