Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Bruno Soares é eliminado nas duplas mistas do Aberto da Austrália

Soares volta à quadra no confronto com a Bélgica pela Copa Davis, dias 1 e 2 de fevereiro em Uberlândia (NG)

Por Estadão Conteúdo - 24 jan 2019, 15h35

O Aberto da Austrália acabou nesta quinta-feira, 24, para o tenista brasileiro Bruno Soares. Ao lado da americana Nicole Melichar, foi eliminado nas semifinais da chave de duplas mistas ao perder para a parceria australiana formada Astra Sharma e John-Patrick Smith por 2 sets a 0 – com as parciais de 6/4 e 7/6 (7/2), em 1 hora e 11 minutos.

A decisão do primeiro Grand Slam da temporada será entre os australianos contra a dupla formada pela checa Barbora Krejcikova e o americano Rajeev Ram, que venceram a espanhola Maria José Martinez Sanchez e o britânico Neal Skupski também por 2 sets a 0, parciais de 6/0 e 6/4. A última parceria local a conquistar o título de duplas mistas em Melbourne é a de Matthew Ebden e Jarmila Gajdosova em 2013.

Cabeça de chave número 2 nas duplas mistas, Soares tentava voltar à final em Melbourne três anos depois de uma participação perfeita na edição de 2016. Naquele ano, o tenista mineiro foi campeão nas duplas masculinas ao lado do britânico Jamie Murray e, um dia depois, triunfou também nas mistas junto com a russa Elena Vesnina.

Na Austrália, o brasileiro também atuou nas duplas masculinas e caiu nas quartas de final. Com Jamie Murray, perdeu para o finlandês Henri Kontinen e o australiano John Peers.

Publicidade

O próximo compromisso de Soares será o confronto entre Brasil e Bélgica pela Copa Davis, que acontece nos dias 1 e 2 de fevereiro na cidade mineira de Uberlândia. Depois disso, seguirá em solo nacional para a disputa do Rio Open, ATP 500 que começa em 18 de fevereiro.

Publicidade