Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bruno Senna estranha sofrimento em treinos classificatórios

O brasileiro Bruno Senna começará o Grande Prêmio da Malásia apenas na 13colocação do grid de largada. Logo após o treino classificatório realizado na madrugada deste sábado, o piloto da Williams disse estranhar o sofrimento na qualificação, já que partiu no 14posto na prova de abertura do Mundial, disputada na Austrália no domingo passado.

‘Em termos de classificação, foi um pouco melhor do que na Austrália. Ainda não acertei minha volta e estou sofrendo um pouco na classificação. É estranho em comparação com o ano passado, porque era a parte mais tranquila’, declarou à Rede Globo o brasileiro, que na última temporada disputou parte do campeonato pela Renault como substituto do alemão Nick Heidfeld.

O arrojado venezuelano Pastor Maldonado, companheiro de Bruno Senna na Williams, foi superior ao brasileiro nas duas etapas do Mundial. Na Austrália, chegou a participar da superpole e garantiu o oitavo lugar do grid de forma surpreendente. Na Malásia, perdeu o traçado na segunda etapa do treino e ficou na 11colocação.

Apesar de lamentar a dificuldade no treino, Bruno Senna procurou demonstrar otimismo. ‘A classificação foi muito mais próxima do que na Austrália ali no bolo que a gente está. Com dois décimos, poderíamos estar lá na frente. Hoje não foi o dia que eu acertei, mas a gente tem um carro forte para a corrida e isso é o mais importante amanhã’, declarou.

Assim como na Austrália, a McLaren estabeleceu uma dobradinha no grid de largada com os britânicos Lewis Hamilton e Jenson Button na Malásia. O alemão Michael Schumacher (Mercedes) completa o grupo dos três primeiros. Já o espanhol Fernando Alonso, companheiro de Massa na Ferrari, ganha uma posição em função da punição ao finlandês Kimi Raikkonen (Lotus) e parte em oitavo.