Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Breno leva ‘cartão amarelo’ de dirigente do Bayern

O zagueiro brasileiro Breno, do Bayern de Munique, que se queixou através da rede social Twitter por só fazer parte da equipe reserva do time bávaro, recebeu nesta terça-feira uma advertência do ex-atacante alemão Karl Heinz Rummenigge, dirigente do clube.

“Vou aplicar um cartão amarelo nele e espero que essa história ficar nisto”, declarou Rummenigge numa coletiva de imprensa.

O brasileiro tinha afirmado no Twitter que o clube “estava de sacanagem” com ele por tê-lo escalado para um amistoso com a reserva enquanto a equipe principal enfrenta o Borussia Mönchengladbach na sexta-feira pela sua primeira partida de 2012 pelo Campeonato Alemão.

“Não quero criticar a reserva, mas na fase que estou atravessando, o Bayern só dificulta as coisas para mim”, publicou o zagueiro na segunda-feira.

De acordo com Rumenigge, Breno “pediu desculpas ao treinador e ao resto da equipe” pelos seus comentários.

O dirigente também informou que nada tinha decidido em relação a uma eventual prorrogação do contrato do jogador, que vence no fim da temporada.

Breno, de 22 anos, foi preso no dia 24 de setembro por ter supostamente incendiado sua própria casa e foi solto sob fiança no dia 6 de outubro.