Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Brasileiras estreiam bem na fase principal do Grand Slam de Roma

Três das quatro duplas brasileiras estrearam com vitória na fase principal do Grand Slam de Roma do Circuito Mundial de vôlei de praia feminino, nesta quarta. Enquanto Juliana/Larissa e Talita/Maria Elisa bateram suas adversárias por 2 sets a 0, Taiana/Vivian contaram com desistência das concorrentes para confirmar sua primeira vitória na fase principal. Já Ângela/Lili tropeçaram e foram a única dupla nacional a não vencer sua partida.

Líderes do ranking mundial, Juliana e Larissa não tiveram dificuldades para bater as eslovacas Dubovcova e Nestarcova em dois sets, parciais de 21/14 e 21/12. No Grupo K do Slam, as brasileiras voltam à quadra nesta quinta, quando enfrentam as australianas Cook/Hinchley e as austríacas Doris Schwaiger/Stephanie Schwaiger.

‘Se por acaso perdermos um desses jogos, teremos que jogar uma terceira partida. Sendo assim, o objetivo é vencer estes duelos para que um desgaste maior seja evitado’, afirma Larissa.

No Grupo L, Talita e Maria Elisa também precisaram de menos de 30 minutos para vencerem as suíças Forrer e Vergé-Dépré por 2 sets a 0, parciais de 21/10 e 21/15. Nesta quinta, as brasileiras voltam à quadra para enfrentar Branagh/Turner, dos Estados Unidos, e Arvaniti/Tsiartsiani, da Grécia.

‘O time está mantendo uma boa regularidade ao longo das etapas do Mundial. E aqui na Itália não pode ser diferente. Na última etapa perdemos a medalha de bronze nos detalhes. Foi um jogo equilibrado e de bom nível técnico’, analisa Talita.

Sem ao menos precisar entrar em quadra, já que as canadenses Bansley e Maloney desistiram de disputar a primeira partida da fase principal, Tatiana e Vivian somaram seus primeiros pontos no Grupo J da etapa italiana. Nas próximas partidas, as brasileiras enfrentam as chinesas Chen Xue/Zhang Xi e as locais Giombini/Orsi Toth.

A única derrota brasileira na abertura da primeira fase ocorreu no Grupo O. Em jogo equilibrado, Ângele e Lili caíram para as australiana Bawden e Palmer, derrotadas por 2 sets a 0, parciais de 21/23 e 22/24. A dupla ainta tem pela frente as bicampeãs olímpicas Walsh/May, dos Estados Unidos, e Vasina/Vozakova, da Rússia, na busca pela recuperação no quadrangular.

Trinta e duas duplas duelam por dezesseis vagas nas oitavas de final do Grand Slam italiano. Enquanto as líderes de cada grupo avançam diretamente à próxima fase, segunda e terceira colocadas se enfrentam em partida extra para decidir a segunda vaga.