Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Brasil Open: de olho em Rafael Nadal

Na estreia da chave de simples do Brasil Open, nesta quinta-feira, o espanhol número 5 do mundo e maior jogador em quadra de saibro da história, Rafael Nadal, dividiu a torcida que lotou o Ginásio do Ibirapuera. A cada ponto do brasileiro João Souza, o Feijão, vinham das arquibancadas gritos de incentivo por superar o ex-número 1 do mundo. Mas a cada ponto do espanhol aí, sim, delírio. Mesmo voltando de longa lesão no joelho, retomando as competições oficiais, ainda longe daquele exterminador de adversários nas quadras de terra, não havia no ginásio quem conseguisse tirar os olhos dele.

Leia também:

Nadal lamenta não ter dado show em SP – e critica a ATP

Brasil Open tem quadra interditada por más condições

Nadal anuncia desistência da chave de duplas em São Paulo

Nadal festeja vitória e volta ao Brasil: ‘Muito emocionante’

Em SP, Nadal lamenta as dores – e evita pensar em título

Acompanhe VEJA Esporte no Facebook

Siga VEJA Esporte no Twitter