Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Brasil fatura torneio amistoso de futebol feminino

Por AE

São Paulo – A seleção brasileira feminina de futebol faturou neste domingo, no Estádio do Pacaembu, o título do Torneio Cidade de São Paulo, competição amistosa da qual neste ano também participaram Dinamarca, Itália e Chile. Na decisão, nesta tarde, as brasileiras, lideradas por Marta e Cristiane, venceram as dinamarquesas por 2 a 1, com dois gols da zagueira Érika. A competição marcou o retorno do técnico Jorge Barcellos ao comando da seleção, substituindo Kleiton Lima.

A vitória vingou a derrota que o Brasil havia sofrido para esta mesma Dinamarca, na quinta-feira, na última rodada do quadrangular. Aquele resultado deixou as europeias no primeiro lugar, o que lhes deu a vantagem de jogar pelo empate na decisão.

“Foi um jogo difícil. A seleção da Dinamarca vem crescendo desde 2007, renovando, e isso prova que a cada ano o Torneio de São Paulo tem ficado mais duro para todas as equipes que o disputam”, comentou o técnico Jorge Barcellos.

Neste domingo, apesar de o Brasil ser mais incisivo, com as europeias preocupadas em não levarem gol, foi a Dinamarca que saiu na frente. Aos 8 minutos do segundo tempo, Harder recebeu passe em profundidade enquanto as brasileiras pediam impedimento, saiu na cara de Andréia e bateu para as redes sem chances para a goleira.

A zagueira Érika, que já havia marcado dois gols no torneio, deixou tudo igual aproveitando o bate-bate que se seguiu após uma cobrança de escanteio. Aos 29 minutos veio a virada, novamente com Érika. Ela recebeu na entrada da área e bateu de bate-pronto. Pegou em cheio na bola e marcou um golaço. “Se não vai na técnica, vai na raça”, comentou a jogadora, após o apito final.

No fim do jogo, a Dinamarca quase empatou. Ester cometeu pênalti dominando uma bola com a mão na área, mas nada foi marcado. No último lance, as dinamarquesas carimbaram o travessão de Andréia, que ainda desviou de leve na bola para salvar o Brasil, que voltou a conquistar o torneio, o que já havia feito na primeira edição, em 2009.

Em 2010, o título ficou com o Canadá, por conta de um empate em 2 a 2 com as brasileiras, resultado que beneficiava as canadenses. “Nossa sorte mudou. Toda final agora vai ser ouro”, comentou Aline Pelegrino, lembrando também das medalhas de prata na Olimpíada de Pequim e nos Jogos Olímpicos de Guadalajara.

Érika foi o grande destaque do Brasil no torneio, além de ter sido a artilheira. O técnico Jorge Barcellos já fala em escalar a equipe com a zagueira jogando mais adiantada. “Não tive tempo para treinar usando a Erika mais à frente. Fica mais fácil colocar uma coisa que você treinou. Quando tivermos tempo, vamos utilizar ela um pouco mais à frente”, disse ele, que lembrou: “O trabalho está recomeçando agora”.