Clique e assine a partir de 9,90/mês

Brasil enfrentará Austrália com 8 mudanças e Coutinho capitão

Apenas Thiago Silva, Paulinho e Coutinho seguem no time titular de Tite no segundo amistoso em Melbourne

Por Da redação - Atualizado em 12 jun 2017, 18h09 - Publicado em 12 jun 2017, 12h16

A seleção brasileira já está escalada para o seu segundo amistoso em Melbourne, nesta terça-feira, às 7h05 (horário de Brasília), diante da anfitriã Austrália. O técnico Tite confirmou oito alterações em relação à derrota para a Argentina no treino no Lakeside Stadium nesta segunda-feira. O meia Philippe Coutinho, que nesta segunda completou 25 anos, ganhou de presente a faixa de capitão pela primeira vez.

Tite comandou um trabalho tático em campo reduzido. E escalou o time titular com a seguinte formação: Diego Alves; Rafinha, Thiago Silva, Rodrigo Caio e Alex Sandro; David Luiz, Paulinho e Philippe Coutinho; Giuliano, Diego Souza e Douglas Costa. Só uma das alterações foi realizada por necessidade: a entrada de Diego Souza na vaga de Gabriel Jesus, que sofreu uma fratura na órbita esquerda, estrutura que protege o olho, após ser atingido pelo cotovelo de Otamendí, seu companheiro de Manchester City, no amistoso da última sexta.

Assim, somente três jogadores que foram titulares contra a Argentina serão mantidos na formação titular do Brasil por Tite para o amistoso contra a Argentina: o zagueiro Thiago Silva, o volante Paulinho e o meia Philippe Coutinho. O jogador do Liverpool foi escolhido o capitão, apesar de seu perfil discreto.

“Coutinho é uma liderança técnica, comportamental, que entra em campo e compete de forma leal. Por isso que ele estará usando a braçadeira. Talvez a capacidade de externar e falar seja menor. Ele merece a faixa por todo esse desempenho”, explicou Tite. “Para mim é um momento especial, recebi a notícia no dia do aniversário, então é uma felicidade muito grande”, completou o jogador.

Continua após a publicidade

(com Estadão Conteúdo)

Publicidade