Group 21 Copy 4 Created with Sketch.
Ao vivoAmarelas ao Vivo entrevista João Amoêdo, do Novo

Evento de VEJA também vai ouvir os presidenciáveis Geraldo Alckmin (PSDB), Alvaro Dias (Podemos), Marina Silva (Rede) e Henrique Meirelles (MDB)

Brasil consegue mais duas vagas olímpicas no boxe

Por AE

Rio – O Brasil garantiu nesta terça-feira mais duas vagas olímpicas no boxe. O meio-pesado Yamaguchi Falcão e o peso galo Robenilson Jesus venceram suas lutas do dia no Pré-Olímpicos das Américas, realizado no Rio, avançaram às semifinais desta última seletiva olímpica, e, assim, se garantiram nos Jogos de Londres. Com isso, a delegação brasileira no boxe masculino já tem cinco integrantes. Outros quatro ainda buscam classificação.

Yamaguchi Falcão é irmão de Esquiva Falcão (até 75kg), que havia se garantido em Londres já no ano passado, pelo Campeonato Mundial de Boxe. Nesta competição realizada em Baku, no Azerbaijão, também garantiram vaga olímpica o campeão mundial da categoria até 64kg, Everton Lopes, e Róbson Conceição, da categoria até 60kg.

Depois de ficar perto da vaga no Mundial, Yamaguchi (até 81kg) precisou vencer apenas duas lutas no Rio. No domingo, ele passou pelo mexicano Francisco Ortega (17 a 9) e, nesta terça, superou o canadense Jonathan Savard (17 x 8), avançando às semifinais.

Robenilson Jesus fez o mesmo caminho na categoria até 57kg. No domingo, venceu fácil Shakir Garcia, de Trinidad & Tobago, por 13 x 1. Nesta terça, arrasou Joselito Aguirre Romero, da Guatemala, por 19 x 7

O Brasil ainda pode garantir mais quatro vagas olímpicas no Rio. Myke Carvalho, que já venceu o cubano inscrito na categoria até 69kg, luta nesta quarta contra o canadense Custio Clayton, pelas quartas de final. Se vencer, vai a Londres. Em caso de derrota, tem que torcer para o rival ser campeão.

Gidelson Oliveira, da categoria super pesado (+91kg), enfrenta na quarta o americano Dominic Breazeale, em luta válida pelas quartas de final. Ele precisa vencer para seguir vivo na briga pelas três vagas olímpicas em disputa.

Na categoria até 52kg, Julião Neto enfrenta o venezuelano Yefferson Perez. Depois, tem que vencer mais uma luta para ficar com uma das duas vagas olímpicas em jogo. Mais tarde, ainda nesta quarta-feira, Élber Santos (até 91kg) luta contra o equatoriano Julio Cesar Castillo Torres para ir à semifinal – na categoria, são três vagas olímpicas. O único brasileiro já eliminado é Paulo Carvalho, da categoria até 49kg. O Brasil levou seis boxeadores aos Jogos de Pequim/2008 e espera, no mínimo, igualar esta marca em Londres.

O boxe feminino vai estrear no programa olímpico em Londres, com três categorias de peso. As brasileiras buscam as 12 vagas por categoria no Mundial Qinhuangdao, que começa nesta quarta-feira na China.