Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Brasil bate Sérvia, fica com última vaga do grupo e enfrenta Rússia

<p>A Seleção Brasileira feminina de vôlei, que defende a medalha de ouro conquistada nas Olimpíadas de Pequim-2008, sofreu, mas conseguiu se classificar às quartas de final dos Jogos de Londres-2012. A vaga veio neste domingo, quando o time venceu a Sérvia por 3 sets a 0, com parciais de 25/10, 25/22 e 25/16, e garantiu […]</p>

Por Da Redação Atualizado em 11 jan 2022, 22h45 - Publicado em 5 ago 2012, 19h28

A Seleção Brasileira feminina de vôlei, que defende a medalha de ouro conquistada nas Olimpíadas de Pequim-2008, sofreu, mas conseguiu se classificar às quartas de final dos Jogos de Londres-2012. A vaga veio neste domingo, quando o time venceu a Sérvia por 3 sets a 0, com parciais de 25/10, 25/22 e 25/16, e garantiu a quarta colocação do Grupo B.

Com os resultados das partidas anteriores do dia, vitória da China sobre a Coreia do Sul por 3 a 2 e dos Estados Unidos sobre a Turquia por 3 a 0, a Seleção precisava apenas de uma vitória sobre a Sérvia para ficar em quarto na chave. Contra o saco de pancadas do Grupo B, que venceu apenas dois sets em cinco jogos, o time de Zé Roberto Guimarães não teve problemas e marcou 3 a 0, garantindo a vaga.

Dessa forma, o Brasil encerra a fase de classificação das Olimpíadas com sete pontos em cinco jogos – vitórias por 3 a 2 sobre Turquia e China, 3 a 0 sobre a Sérvia e derrotas para Estados Unidos e Coreia do Sul. Como ficou com a quarta colocação de sua chave, pega a Rússia, primeira do Grupo A.

Brasil e Rússia se enfrentaram nas últimas duas finais do Campeonato Mundial, em 2010 e 2006, ambas com vitórias das europeias no tie-break. As equipes se enfrentaram ainda na semifinal de Atenas-2004, também com triunfo das russas.

Continua após a publicidade

A primeira colocação do Grupo B foi dos Estados Unidos, que pega a República Dominicana, quarta colocada do A. China e Coreia do Sul, outras classificadas da chave do Brasil, e Itália e Japão, que também avançaram no outro grupo, participarão de um sorteio para a definição dos confrontos de quartas de final.

O jogo – O primeiro set de partida neste domingo foi de extrema facilidade para o Brasil. Com Dani Lins e Jaqueline como titulares, nos lugares de Fernandinha e Paula Pequeno, e contando com seguidos erros da Sérvia, a Seleção dominou a parcial e marcou 25/10 em menos de 20 minutos.

A tranquilidade do set inicial não foi vista no segundo. O Brasil diminuiu o ritmo e passou a cometer erros, deixando que a abatida e irregular Sérvia se mantivesse encostada no placar, mas um bloqueio de Jaqueline selou o placar em 25/22.

O Brasil deu um susto no início da terceira parcial, em que deixou a Sérvia virar o placar e chegar em vantagem à primeira parada técnica. Mas a bronca de Zé Roberto Guimarães surtiu efeito e com pouco trabalho as jogadoras nacionais já estavam à frente do placar novamente.

A partir daí, a Seleção melhorou seu bloqueio e teve ainda mais facilidade para desgarrar no marcador. A vitória foi garantida em mais um erro de ataque da Sérvia.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade