Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Brasil abre dez pontos, mas cede a virada e é derrotado pela França

Atuando em toda a partida sem seus principais jogadores juntos em quadra, a Seleção Brasileira masculina de basquete foi derrotada por 78 a 74 pela França, em partida amistosa visando os Jogos Olímpicos de Londres-2012, em Estrasburgo, casa dos rivais, que contaram com Tony Parker, recuperado de lesão no olho esquerdo, para reagir à vantagem de dez pontos aberta pelo Brasil no terceiro quarto.

Apesar de não entrar com força máxima em quadra, o Brasil começou melhor na partida, comandando as investidas ao ataque e anulando bem as jogadas francesas. Após abrir o placar, porém, a Seleção viu Tony Parker crescer na partida e passar a liderar a equipe francesa, fechando o primeiro quarto com nove dos 17 pontos de sua seleção, contra 15 do Brasil.

O panorama foi o mesmo na segunda parcial. Após voltar à frente do placar com arremesso de três convertido por Guilherme Giovannoni e ampliar a vantagem após falta sofrida e convertida por Alex, a Seleção não soube controlar o placar e alternou-se na liderança ponto a ponto. No final, porém, imperou a regularidade francesa, que manteve a equipe à frente do placar no encerramento do primeiro tempo, com 41 a 39.

No terceiro quarto, porém, o Brasil cresceu na partida, marcando oito pontos seguidos antes de os franceses finalmente converterem, aos três minutos. Nem mesmo o tempo técnico pedido por Vincent Collet alterou o panorama da parcial, amplamente dominada pelos brasileiros, comandados por Marcelinho Huertas, que abriram dez pontos de vantagem para chegar ao último quarto vencendo por 65 a 55.

A tranquilidade do terceiro quarto, porém, transformou-se em desespero na última parcial. Com ótimo aproveitamento nos arremessos, os franceses passaram a pressionar a equipe brasileira que, acuada, não reagiu ao ímpeto adversário, cedendo o empate ainda na metade do quarto.

Sem conseguir marcar o ala De Colo, destaque da partida, a Seleção viu a equipe francesa virar a partida e abrir dois pontos de vantagem. Na base do desespero, Larry Taylor tentou resolver sozinho e empatar a partida, a 15 segundos do fim, mas errou a conclusão após infiltração e permitiu aos franceses mais dois pontos, em lances livres convertidos por Parker, antes do final da partida, encerrada em 78 a 74 para os anfitriões.

O Brasil volta às quadras às 14h30h (de Brasília) deste domingo, quando enfrenta a Austrália, seu primeiro desafio nos Jogos Olímpicos de Londres-2012, em seu último amistoso preparatório para o torneio olímpico. A partida será disputada novamente em Estrasburgo.