Clique e assine a partir de 9,90/mês

Boxe: Manny Pacquiao opera o ombro nos EUA

O lutador se lesionou em treino, três semanas antes da luta com Mayweather

Por Da Redação - 7 Maio 2015, 15h29

Na última quarta-feira, Manny Pacquiao foi submetido a uma cirurgia no ombro direito, em Los Angeles (EUA), para reparar uma lesão causada em um treino três semanas antes da luta contra Floyd Mayweather, ocorrida no último sábado. O médico Neal ElAttrache, responsável pela operação, comentou que “não poderia estar mais satisfeito com os resultados” e acredita que Pacquiao se recupere totalmente em um ano. ElAttrache já operou outros astros do esporte, como Kobe Bryant, do Los Angeles Lakers (basquete) e Tom Brady, do New England Patriots (futebol americano).

Boxe: Pacquiao vai operar o ombro e revanche não deve acontecer

Derrotado, Pacquiao contesta a decisão dos juízes: “Ele só fugiu”

Manny Pacquiao sonha se tornar presidente das Filipinas

Pacquiao perdeu para Mayweather por decisão unânime dos juízes, mas levou mais de 120 milhões de dólares como bolsa (mais de 360 milhões de reais). Antes da luta, ele solicitou uma injeção de anti-inflamatório e analgésico no ombro, mas o pedido foi negado pela Comissão Atlética de Nevada, pois a entidade não tinha informações prévias sobre a lesão. O filipino também afirmou que o ombro piorou no quarto round.

A Comissão de Nevada avalia a aplicação de punição a Pacquiao por não revelar a lesão ao responder um formulário, um dia antes da luta. O lutador também enfrenta uma ação judicial que exige indenização de até 5 milhões de dólares às pessoas que gastaram dinheiro para ver a luta pela televisão, na arena ou que apostaram no resultado do combate.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade