Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Bellucci vence ex-número um do mundo e chega às quartas em Nice

Por Da Redação - 23 maio 2012, 13h22

Em fase final de preparação para o Grand Slam de Roland Garros, que começa neste domingo, Thomaz Bellucci segue alcançando bons resultados no ATP 250 de Nice. Após vencer o norte-americano Donald Young de virada na última terça-feira, o brasileiro superou Juan Carlos Ferrero por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/3, nesta quarta-feira, e garantiu um lugar nas quartas-de-final do torneio francês.

Equilibrado, o confronto começou com o brasileiro pressionando o espanhol. Logo na primeira oportunidade em que sacou, Ferrero precisou salvar dois break-points. No entanto, no quarto game, o ex-número um do mundo e atual 44colocado do Ranking da Associação de Tenistas Profissionais (ATP) nada pode fazer para evitar que Bellucci quebrasse seu serviço, abrindo vantagem por 3 a 1 no placar.

A quebra quase foi devolvida no ponto seguinte, quando o paulista salvou quatro chances de quebra até confirmar o saque. Vencendo por 4 a 1, o número 70 mundo caiu repentinamente de rendimento e viu o tenista europeu igualar o placar, deixando o set inicial novamente em aberto. Entretanto, nos pontos seguintes, Bellucci voltou a se impor, confirmou o serviço e contou com nova quebra para dar números finais a primeira parcial, após uma hora e quatro minutos de disputa.

No segundo set, o paulista seguiu comandando as ações, aplicando dois aces logo no primeiro game, quebrando o saque do espanhol na sequência e abrindo 3 a 0 no placar. A partir deste momento, o jogo readquiriu o ritmo equilibrado, com o brasileiro administrando a vantagem que obteve. No ponto final, sem maiores dificuldades, o principal tenista do Brasil na atualidade aproveitou triplo match-point e fechou o jogo, vencendo o set final por 6/3.

Publicidade

Esta foi a terceira vez que Bellucci e Ferrero se enfrentaram, sendo que cada um havia triunfado em uma oportunidade. Além de colocar o brasileiro em vantagem no retrospecto diante do espanhol, a partida assegurou a participação do atleta nacional nas quartas-de-final, onde mede forças com francês Gilles Simon, número 12 do mundo, que superou o búlgaro Grigor Dimitrov em sets diretos, com duplo 6/3.

Publicidade