Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Beckham aceita redução no salário e renova contrato com o Galaxy

O astro inglês David Beckham se reuniu com os dirigentes do Los Angeles Galaxy e anunciou a sua renovação de contrato com a equipe americana. O fato curioso na manutenção do jogador no elenco foi a medida de contenção de gastos imposta pela equipe. A fim de reduzir a folha salarial do clube, a diretoria reduziu em 40% os vencimentos do meia e não encontrou qualquer resistência por parte do seu principal atleta.

Com a nova política econômica adotada pelo Galaxy, Beckham passou a receber três milhões de dólares anuais (cerca de R$ 6 milhões), sendo ultrapassado por Thierry Henry e Rafa Márquez no topo dos salários da Liga Americana de Futebol (MLS).

O jogador mais bem pago do torneio se tornou o atacante francês do New York RB, dono de R$ 10 milhões por temporada. O atacante ainda recebe um bônus de R$ 11 milhões conforme o seu rendimento e passou a liderar o ranking financeiro do país com folga. Companheiro de clube de Henry, o zagueiro mexicano Rafa Márquez totaliza vencimentos na casa dos R$ 9 milhões, assumindo a segunda posição.

Mesmo com a redução em seu salário, Beckham segue como a principal estrela do campeonato americano. O jogador foi um dos destaques na campanha que rendeu o título da competição ao Los Angeles Galaxy na última temporada e chegou a se encontrar com o presidente Barack Obama após a conquista.

Agora, o inglês tenta convencer o técnico da seleção olímpica da Grã Bretanha, Stuart Pearce, a lhe conceder uma vaga na equipe que buscará a medalha de ouro em Londres. O meia já recebeu o apoio de personalidades famosas no futebol, como o brasileiro Ronaldo, e deve ganhar a companhia do também veterano Ryan Giggs no time formado para o torneio.