Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Bayern vence fácil o Guangzhou no Mundial de Clubes

Time alemão faz final no sábado com o vencedor da partida entre Atlético e Raja

Por Da Redação 17 dez 2013, 18h22

O Bayern de Munique não teve dificuldade em passar pelo chinês Guangzhou Evergrande, na tarde desta terça-feira, no Estádio Agadir, por 3 a 0, com gols de Ribéry e Mandzukic no primeiro tempo, e Mario Gotze, no início do segundo. Agora, o time alemão espera o vencedor de Atlético-MG e Raja Casablanca, nesta quarta, às 17h30, para saber com quem fará a final do Mundial de Clubes no Marrocos.

Leia também:

Ronaldinho: ‘Atlético só pensa no Raja Casablanca’

Bayern admite favoritismo na semi contra o Guangzhou Liga dos Campeões terá Barça x City e Bayern x Arsenal

Líder e com uma invencibilidade de 41 jogos no Campeonato Alemão, o Bayern de Munique é um dos times mais temidos do mundo. Com apenas uma derrota nos últimos 29 jogos, a equipe do técnico Pep Guardiola vem fazendo um excelente trabalho no torneio nacional e na Liga dos Campeões, com chances de ser campeã de ambas as competições. Mesmo com os desfalques de Badstuber, Robben e Schweinsteiger, o time alemão tem força no Mundial, já que conta com peças de reposição de prestígio, como Toni Kroos e Mario Gotze.

E foi contando com a força que o Bayern dominou completamente as ações do time chinês: desde o início do jogo, os alemães pressionaram a equipe chinesa. Em toda a partida, o Bayern executou 27 finalizações, sendo 13 no gol, contra apenas duas – erradas – do Guangzhou.

Treinado pelo italiano Marcelo Lippi, o time chinês não teve vergonha de se posicionar com os 11 jogadores no campo de defesa. A estratégia dificultou o toque de bola dos alemães, mas aos poucos Pep Guardiola corrigiu o problema e o time passou a fazer mais jogadas pela laterais. O primeiro gol aconteceu depois de uma disputa de bolas na área em que Ribéry recebeu uma boa sozinho e bateu cruzado, aos 39 minutos.

Em seguida, Gotze lançou a bola sobre a área e Mandzukic mergulhou para acertar uma cabeçada na bola e marcar o segundo, aos 43 minutos. No início do segundo tempo, Gotze recebeu a bola no bico da área, chutou e a bola desviou num zagueiro, tirando o goleiro da jogada. Depois o time alemão exibiu certo acômodo e seguiu mantendo maior posse de bola até o fim do jogo.

Os times: Bayern de Munique: Neuer, Van Buyten, Thiago, Ribéry, Mandzukic, Rafinha, Boateng, Götze, Lahm, Alaba, Kroos, técnico: Pep Guardkiola. Guangzhou Evergrande: Zeng, Zhang, Feng, Elkeson, Zheng, Muriqui, Conca, Huang, Kim, Sum e Zhao. Técnico: Marcelo Lippi. Gols: Ribéry (39), Mandzukic (43), Gotze (2 do segundo tempo).

Continua após a publicidade
Publicidade